Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4205
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMarques, Maria de Fátima Jerônimo-
dc.contributor.authorCastro, Lícia Valéria Feitosa e-
dc.date.accessioned2017-06-29T17:28:08Z-
dc.date.available2017-06-29T17:28:08Z-
dc.date.issued2012-
dc.identifier2009026870pr_BR
dc.identifier.citationCASTRO, Lícia Valéria Feitosa e. A política de saúde no Brasil: notas sobre o transplante renal. 2012. 53f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Serviço Social), Departamento de Serviço Social, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2012.pr_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4205-
dc.languagept_BRpr_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.rightsopenAccesspr_BR
dc.subjectPolitica de saúdepr_BR
dc.subjectPolítica Nacional de Transplantepr_BR
dc.subjectServiço Socialpr_BR
dc.titleA política de saúde no Brasil: notas sobre o transplante renalpr_BR
dc.typebachelorThesispr_BR
dc.contributor.referees1Guerra, Eliana Costa-
dc.contributor.referees2Alves, Mônica Maria Calixto de Farias-
dc.description.resumoEste trabalho constitui um estudo teórico sobre a Política de Saúde brasileira, em particular, a Política Nacional de Transplante, inscrevendo o Assistente Social como profissional imprescindível em seu processo de efetivação. Nosso interesse inicial em analisar a problemática da saúde deu-se a partir da inserção no estágio curricular obrigatório no Hospital Universitário Onofre Lopes e, a partir dessa experiência observou-se a necessidade de aprofundar os conhecimentos na área, haja vista, ser um espaço privilegiado de atuação do profissional de serviço social e ainda haver pouca elaboração teórica sobre a temática no seio da profissão. Para apreender tal realidade, procuramos realizar nossas análises à luz do pensamento crítico, movimento que nos possibilitou aproximarmos e apreendermos o fenômeno investigado inscrito numa realidade dinâmica e contraditória. A pesquisa teve abordagem qualitativa. Recorremos à literatura especializada da área, documentos oficiais, assim como às experiências e conhecimentos adquiridos ao longo da formação acadêmica e profissional. A pesquisa bibliográfica consistiu na leitura de textos que versavam sobre: políticas sociais e públicas, política de saúde, política de transplante, e sobre o exercício profissional do Assistente Social. Este processo reflexivo nos permitiu ampliar nossos horizontes e nos distanciar do senso comum e das analises conservadoras presentes no cotidiano das diversas categorias profissionais e na sociedade como um todo.pr_BR
dc.publisher.countryBrasilpr_BR
dc.publisher.departmentServiço Socialpr_BR
dc.publisher.initialsUFRNpr_BR
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
LíciaVFC_Monografia.pdfServiço Social 746.05 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.