Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4171
Title: Análise do Índice de Gestão Descentralizada - IGD (PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA - PBF) nos Municípios do Seridó Potiguar
Authors: Nascimento, Jayzon Inácio do
Keywords: Bolsa Família;Índice de Gestão Descentralizada;Índice de Exclusão Social;Pobreza;Desigualdade
Issue Date: 2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: NASCIMENTO, Jayzon Inácio do. Análise do Índice de Gestão Descentralizada - IGD (PROGRAMA BOLSA FAMÍLIA - PBF) nos Municípios do Seridó Potiguar. 2017. 39 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração), Departamento de Ciência Sociais e Humanas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Currais Novos, 2017.
Portuguese Abstract: O Programa Bolsa Família – PBF – é exemplo internacional de combate à pobreza e à desigualdade social por meio de política de distribuição de renda. A mensuração da qualidade de sua gestão se dá por meio do Índice de Gestão Descentralizada, o IGD. O IGD é determinante para o valor que é repassado para os gestores municipais para desenvolverem ações para atendimento às demandas sociais atendidas pelo PBF. Inseridos em contexto variados os municípios possuem realidades e demandas sociais distintas, principalmente de pobreza e desigualdade, e esta variação pode ser determinante no desempenho dos gestores quanto ao PBF. Para mensurar o contexto social considerado foi lançado mão do Índice de Exclusão Social, que permitiu perceber a realidade de Pobreza, Desigualdade, Emprego, Escolaridade, Alfabetização e Exclusão Social. Para investigar a relação entre os dois índices em questão o presente trabalho utilizou o coeficiente de correlação de Pearson que nos permitiu constatar a o nível de correlação existente entre eles. A partir disto o presente trabalho buscou identificar os fatores determinantes para gestão do PBF nos Municípios do Seridó do Estado do Rio Grande do Norte e investigar a relação entre o IES e desempenho da gestão do programa.
Abstract: The Programa Bolsa Família(PBF) is an international example of combating poverty and social inequality through a policy of income distribution. The quality of its management is measured through the Índice de Gestão Descentralizada (Decentralized Management Index), IGD. The IGD is determinant for the amount that is passed on to municipal managers to develop actions to meet the social demands served by the PBF. Inserted in different contexts, municipalities have distinct social realities and demands, especially poverty and inequality, and this variation can be determinant in the performance of managers in relation to the PBF. In order to measure the social context, the Índice de Exclusão Social (Social Exclusion Index), IES, was used, which allowed us to perceive the reality of Poverty, Inequality, Employment, Schooling, Literacy and Social Exclusion. To investigate the relationship between the two indices in question the present study used the Pearson correlation coefficient that allowed us to verify the level of correlation between them. From this, the present work sought to identify the determinant factors for PBF management in the Seridó municipalities of the Rio Grande do Norte State and to investigate the relationship between IES and performance of program management.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4171
Other Identifiers: 2013035802
Appears in Collections:CERES - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Análise do Índice de Gestão Descentralizada_RelatórioTrabalho de Conclusão de Curso861.05 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.