Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4164
Title: Estilo de vida de professores de educação física da cidade do Natal/RN
Authors: Oliveira, Daniel Anderson Paulino de
Keywords: Estilo de Vida;Qualidade de Vida;Professores;Educação Física
Issue Date: 14-Jun-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: OLIVEIRA, Daniel Anderson Paulino de. Estilo de vida de professores de educação física da cidade do Natal/RN. 2017. 42f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Departamento de Educação Física, Centro de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2017.
Portuguese Abstract: Introdução: O estilo de vida que o individuo assume durante o seu desenvolvimento irá refletir diretamente na sua percepção de qualidade de vida e saúde, no entanto, isso será mais significativo à medida que a idade avançar. Fatores, tais como, nutricional, autocontrole sobre o estresse do dia-dia, atividade física, dentre outros, caso em desequilíbrio, pode sinalizar para uma possível expressão de genes relacionados a doenças crônicas.Objetivos: O objetivo desse estudo foi analisar o estilo de vida dos professores de Educação Física atuantes em academias, e instituições de ensino do município do Natal/RN. Método: Trata-se de uma pesquisa descritiva com corte transversal, cuja amostra foi composta por (n=30) professores graduados, sendo (n=15) professores com licenciatura e (n=15) professores com bacharelado, com idades entre 25 e 40 anos, de ambos os sexos, selecionados de forma não probabilística intencional. Os dados foram coletados através do questionário “Perfil do Estilo de Vida Individua – PEVI” do Nahas. A análise dos dados foi feita e calculada por meio do Excel/2007. Resultados: Os professores bacharéis e licenciados, no que se refere aos componentes Nutrição, Atividade Física e Controle do Estresse, apresentaram valores regulares necessitando mudança de conduta. Nos componentes Relacionamentos e Comportamento Preventivo apresentaram media satisfatória. Conclusões: Diante dos resultados, podemos concluir que os professores de Educação Física que participaram da pesquisa não estabelecem um equilíbrio entre as tarefas diárias com as recomendações mínimas para os componentes Atividade Físicas, Nutricionais e de Controle do Estresse, ao contrario do que era esperado, principalmente para este tipo de profissional.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4164
Other Identifiers: 2014093613
Appears in Collections:Educação Física (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Estilovidaprofessores_Trabalho de Conclusão de CursoTexto Completo515,28 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.