Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4129
Title: Análise físico-química e de rotulagem em plantas medicinais comercializadas no mercado formal e informal
Other Titles: Physicochemical analysis and labeling of medicinal plants marketed in the formal and informal market
Authors: Pereira, Jarson Pedro da Costa
Keywords: Plantas medicinais;Farmacognosia;Fraude
Issue Date: 14-Jun-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: PEREIRA, Jarson Pedro da Costa. Análise físico-química e de rotulagem em plantas medicinais comercializadas no mercado formal e informal. 2017. 20f. Artigo cientifico (Graduação em Nutrição) - Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Santa Cruz, 2017.
Portuguese Abstract: A inserção de constituintes adulterantes, material estranho, contaminação e condições de uso insalubre são situações comumente observadas no manejo de plantas medicinais, o que reforça a necessidade de promover o acesso à informação da população para que possam conhecer os reais constituintes que estão presentes em cada espécie vegetal, tendo em vista que são produtos prevalentemente consumidos. Dessa forma, o presente estudo traz resultados sobre a identificação da ocorrência de fraude por alteração, a estimativa de propriedades fitoquímicas e análise de rotulagens de plantas medicinais, sendo espinheira santa e camomila as plantas de interesse, comercializadas no mercado formal e informal do município de Santa Cruz/RN. Para tal, foram realizados testes laboratoriais em triplicata de cinzas totais, umidade, cromatografia de camada delgada, e foi desenvolvido um protocolo para análise de rótulos conforme a Resolução – RDC nº 259 de 20 de setembro de 2002 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e Farmacopeia Brasileira. Das amostras analisadas, apenas uma demonstrou indicativo de alteração físico-química, considerando as legislações vigentes para cinzas totais, sugerindo a ocorrência de fraude por alteração. A partir das análises das lâminas de cromatografia, observou-se disparidade em relação aos compostos presentes em uma das espécies comercializadas no mercado formal quando comparada a espécie vegetal do mercado informal, sugerindo mais um provável indício para ocorrência de fraude. Dos itens analisados nos rótulos, observou-se que sete dos dezenove estavam em não conformidade com a RDC supracitada. A estimativa de compostos fitoquímicos não ocorreu, pois o revelador utilizado possuía afinidade universal para uma cama de compostos, sendo inviável a sugestão de um grupo específico. Ademais, o estudo demostrou a ocorrência de alterações físico-químicas em uma das espécies vegetais analisadas, configurando-se como um possível agravo ao desserviço à saúde dos consumidores, indicando a necessidade de uma maior fiscalização pelos órgãos responsáveis, como a ANVISA.
Abstract: The insertion of adulterating constituents, foreign material, contamination and unhealthy conditions are commonly observed in the management of medicinal plants, which reinforces the need to promote access to information of the population so that they can know the real constituents that are present in each Species, since they are predominantly consumed. In this way, the present study provides results on identification of fraud occurrence by alteration, phytochemical properties estimation and labeling analysis of medicinal plants, with espinheira santa and chamomile commercialized in the formal and informal market of the municipality of Santa Cruz / RN being the plants of interest. For this, laboratory tests were performed in triplicate for total ashes, humidity, thin layer chromatography and a protocol for analysis of labels according to the Resolution - RDC No. 259 from September 20th, 2002 of the Agência Nacional de Vigilância Sanitária and Farmacopeia Brasileira was developed. Of the analyzed samples, only one showed an indication of physicochemical alteration, considering the current legislation for total ashes, suggesting the occurrence of fraud by alteration. From the chromatography slidesanalysis, it was observed a disparity related to the compounds present in one of the species marketed in the formal market when compared to the vegetable species from the informal market, suggesting another probable indication for fraud occurrence. Of the items analyzed on the labels, seven of nineteen were in non-compliance with the RDC mentioned above. The estimation of phytochemical compounds did not occur, since the developer used had universal affinity for a range of compounds, and the suggestion of a specific group was not feasible.In addition, the study demonstrated the occurrence of physical-chemical changes in one of the analyzed plant species, configuring as a possible aggravation to the disservice of consumers health, indicating a need for greater supervision by responsible agencies, such as ANVISA.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4129
Other Identifiers: 2013051940
metadata.dc.description.embargo: 2018-06-06
Appears in Collections:FACISA - Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Análise físico-química e de rotulagem de plantas medicinais comercializadas no mercado formal e informal.pdfArtigo científico411.36 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.