Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/4004
Title: Estudo termodinâmico da produção de hidrogênio a partir da reforma a vapor de papel
Authors: Souza, Raquel Revoredo Pinheiro de
Keywords: Papel;Glicose;Produção de Hidrogênio;Reforma a vapor;Termodinâmica
Issue Date: 12-Jun-2017
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOUZA, Raquel Revoredo Pinheiro de. Estudo termodinâmico da produção de hidrogênio a partir de papel. 2017. 44f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Química), Departamento de Engenharia Química, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2009.
Portuguese Abstract: Um estudo termodinâmico da produção de hidrogênio foi realizado tomando como método reativo a reforma a vapor do papel, visto que essa é uma matéria-prima em abundância e que o hidrogênio é um combustível em potencial, pois é renovável e sua combustão não produz gases poluentes. O estudo foi realizado através do simulador Aspen Plus® baseando-se na minimização da energia livre de Gibbs no equilíbrio, sendo a glicose escolhida como componente representante do papel. Foram manipuladas variáveis como temperatura (700 – 1023 K), fração de glicose na alimentação (0,22 – 0,8) e pressão (1 e 20 atm). Durante o estudo também foram observadas condições para geração de gás de síntese, visto que os produtos obtidos durante o processo não eram somente hidrogênio, mas também, CO, CO2 e CH4. As melhores condições de produção de hidrogênio foram obtidas para a pressão de 1 atm, baixas frações de glicose como 0,22 e altas temperaturas; essas condições apresentavam altas frações de H2 e baixas frações de metano. Através desse estudo, foi possível obter parâmetros termodinâmicos que podem facilitar a otimização de operações para obtenção de hidrogênio.
Abstract: A thermodynamic study of hydrogen production was carried out by a reactive method named reform of paper vapor, since this is a raw material in abundance and hydrogen is a potential fuel, because it is renewable and its combustion does not produce polluting gases. The study was performed using the Aspen Plus® simulator based on Gibbs free energy minimization in equilibrium, with the glucose chosen as the representative component of the paper. Variables such as temperature (700 - 1023 K), glucose fraction in feed (0.22 - 0.8) and pressure (1 and 20 atm) were manipulated. During the study conditions for the generation of synthesis gas were also observed, since the products obtained during the process were not only hydrogen, but also CO, CO2 and CH4. The best hydrogen production conditions were obtained for the pressure of 1 atm, low glucose fractions as 0.22 and high temperatures, these conditions had high fractions of H2 and low fractions of methane. Through this study, it was possible to obtain thermodynamic parameters that can facilitate the optimization of operations to obtain hydrogen.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/4004
Other Identifiers: 2013092030
Appears in Collections:Engenharia Química

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Estudotermodinamico_Monografia.pdfMonografia1.18 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons