Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/3843
Title: Distribuição da riqueza para o governo pelas empresas do novo mercado BM&F BOVESPA: estudo da demonstração do valor adicionado de 2012 a 2015
Authors: Silva, Caio César Cascemiro da
Keywords: Demonstração do valor adicionado;Indicadores;Novo mercado
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Caio César Cascemiro da. Distribuição da riqueza para o governo pelas empresas do novo mercado BM&F BOVESPA: estudo da demonstração do valor adicionado de 2012 a 2015. 2016. 67f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Contábeis), Departamento de Ciências Contábeis, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Portuguese Abstract: O trabalho estuda a Demonstração do Valor Adicionado e tem como objetivo geral analisar o percentual de distribuição do valor adicionado das empresas do Novo Mercado da BM&FBovespa, através da análise dos índices econômico-financeiros da DVA. Em relação a metodologia, foi utilizada como amostra 60 empresas das 129 listadas no Novo Mercado da BM&FBOVESPA, divididos entre: Construção e Transporte; Consumo Cíclico; Consumo não Cíclico; e Financeiro e Outros. Os índices de geração e distribuição de riqueza foram calculados, para que posteriormente fossem comparados entre si. Realizaram-se os testes de Kolmorov- Sminorv e o teste t de Student para que fosse possível verificar a existência ou não de normalidade das médias do valor repassado ao governo durante o período e verificar se houve variação significativa durante os anos, respectivamente. Os resultados auferidos, em relação aos índices analisados, foram capazes de mostrar que o Pessoal sobre Valor Adicionado (PSVA) foi o único índice que não teve variação significativa durante o período, mas em relação ao Retorno de Terceiros sobre Valor Adicionado (RTSVA) e Retorno dos Acionistas sobre Valor Adicionado (RASVA), existiu uma variação inversamente proporcional entre os mesmos nos anos, sendo os índices que mais variaram, além da variação perceptível no Imposto sobre Valor Adicionado (ISVA). Em relação aos índices de geração de riqueza Valor Adicionado sobre Ativo Total (VASAT) e Valor Adicionado sobre o Patrimônio Líquido (VASPL), não houve nenhuma relação direta entre os índices de distribuição de riqueza com a variação, mas ambos os indicadores tiveram variações diretamente proporcionais. O teste de Kolmorov-Sminorv confirmou a normalidade da amostra, para que fosse possível utilizar o teste t de student para confirmar a hipótese. Após a aplicação do teste é possível identificar que a hipótese nula (H0) de que não existe diferença entre as médias dos valores repassados ao governo nos anos estudados, não se aplica a amostra. Sendo assim, o resultado encontrado demonstra a existência de variação entre as médias durante os períodos estudados.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/3843
Other Identifiers: 2011061080
Appears in Collections:Ciências Contábeis

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CaioCCS_Monografia.pdfCiências Contábeis 2.67 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.