Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/3382
Title: O jogo virtual como ferramenta para a aprendizagem: um olhar na corrida de orientação
Authors: Machado, Roni da Costa
Keywords: Educação Física;Corrida de orientação;Jogo Virtual
Issue Date: 2-Nov-2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MACHADO, Roni da Costa. O jogo virtual como ferramenta para a aprendizagem: um olhar na corrida de orientação. 2016. 58f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Departamento de Educação Física, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2016.
Portuguese Abstract: O presente projeto de pesquisa aborda o uso dos jogos virtuais através da simulação computadorizada, na aprendizagem da modalidade corrida de orientação. Como objetivo geral, definimos analisar a aplicação de um jogo virtual como possibilidade de promoção da aprendizagem na iniciação da corrida de orientação, com alunos de uma escola municipal na cidade de Triunfo Potiguar. Daí a importância de estudos que venham mostrar como é viável aplicar a modalidade no dia a dia, com a utilização de estratégias simples, como um jogo virtual específico da iniciação, na modalidade de orientação. O tipo de pesquisa aplicado neste trabalho foi a pesquisa participante, pois trata-se de uma atividade educativa de investigação e ação social, de acordo com Brandão (1990). A amostra foi constituída por 16 alunos de ambos os sexos, com idade variando entre 10 a 14 anos, atualmente estudantes do 6°, 7° e 8° ano, estudantes da escola municipal Manoel Felinto Filho, pertencente ao munícipio de Triunfo Potiguar-RN. No jogo virtual, 5 participantes tiveram a capacidade de orientar o mapa e adentrar na trilha estreita. Os outros prismas estavam no mesmo segmento de trilha estreita dentro da mata, ficando evidente que apesar de ter dois cruzamentos todos conseguiram manter o mapa orientado e continuar na direção correta. Apesar dos erros na corrida de orientação com mapa, no campo, o resultado foi muito satisfatório, pois, a única informação passada foi que, independente de onde estivesse no terreno, o mapa não deveria mudar de posição, mas sim o participante. Assim, podemos concluir que, com apenas dois exercícios aplicados, o jogo virtual e o educativo no terreno, ficou claro que a iniciação precisa ser com atividades simples, como um mapa no terreno e, através do jogo virtual, é possível os alunos terem uma iniciação a uma nova modalidade, como a corrida de orientação.
Abstract: The present research project addresses the use of virtual games through computerized simulation, in the learning of orienteering mode. As a general objective, we decided to analyze the application of a virtual game as a possibility to promote learning in the beginning of the orientation race, with students from a municipal school in the city of Triunfo Potiguar. Hence the importance of studies that show how it is feasible to apply the modality on a daily basis, with the use of simple strategies, such as a virtual game specific to the initiation, in the orientation modality. The type of research applied in this study was the participant research, because it is an educational activity of investigation and social action, according to Brandão (1990). The sample consisted of 16 students of both sexes, aged between 10 and 14 years, currently students of the 6th, 7th and 8th grade, students of the municipal school Manoel Felinto Filho, belonging to the Municipality of Triunfo Potiguar-RN . In the virtual game, 5 participants had the ability to steer the map and enter the narrow path. The other prisms were in the same segment of narrow trail within the forest, making it clear that despite having two crossings all managed to keep the map oriented and continue in the right direction. Despite the errors in the map orientation race in the field, the result was very satisfactory, since the only information passed was that, regardless of where it was on the ground, the map should not change position, but rather the participant. Thus, we can conclude that, with only two exercises applied, the virtual and educational game on the ground, it was clear that the initiation needs to be simple activities, such as a map on the ground and, through virtual play, it is possible for students to have a Initiation to a new modality, such as orienteering.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/3382
Other Identifiers: 2011025235
Appears in Collections:Educação Física (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Jogovirtualferramenta_2016_Trabalho de Conclusão de CursoTexto Completo1.66 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons