Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/3324
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorBarros, Jonatas de França-
dc.contributor.authorMuniz, Moizés de Souza-
dc.date.accessioned2016-12-19T17:27:56Z-
dc.date.available2016-12-19T17:27:56Z-
dc.date.issued2016-12-22-
dc.identifier2010060989pr_BR
dc.identifier.citationMUNIZ, Moizés de Souza. Aptidão física dos participantes do Projeto Minha Melhor Idade da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. 2016. 13f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação)-Departamento de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, 2016.pr_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/3324-
dc.languagept_BRpr_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.rightsopenAccesspr_BR
dc.subjectAptidão física, Idosos, Meio líquidopr_BR
dc.titleAptidão física dos participantes do Projeto Minha Melhor Idade da Universidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.typebachelorThesispr_BR
dc.description.resumoO envelhecimento humano é um processo natural no qual, não acontecesse necessariamente paralelo a idade cronológica, tendo diversos fatores que irão influenciar nas mais variadas alterações fisiológicas decorrentes desse período da vida. O exercício, tem ação sistêmica lhe confere papel posição terapêutica inigualável. Com exceção dos órgãos sensoriais, que parecem não serem influenciados pelo exercício, todos os demais sistemas podem ser beneficamente modulados pela prática regular de atividade física. O objetivo do estudo é analisar a aptidão física dos idoso relacionada a pratica física no meio líquido, através da caminhada na água. A pesquisa foi um estudo transversal. A amostra foi composta por 30 sujeitos quer não realizavam outras práticas físicas. Todos participantes do projeto Minha Melhor idade da UFRN, realizado nas piscinas semiolímpicas do campus universitário. Foi aplicado o protocolo de Rikli e Jones. Encontramos melhoras nos componentes de força e flexibilidade e não foi observado ganhos na capacidade física de agilidade. Observamos que a aptidão física dos idosos relacionada a prática no meio liquido obteve melhoras. Os homens apresentaram resultados superiores aos das mulheres.pr_BR
dc.publisher.countryBrasilpr_BR
dc.publisher.departmentEducação Físicapr_BR
dc.publisher.initialsUFRNpr_BR
Appears in Collections:Educação Física (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Aptidãofísicaparticipantes_Muniz_2016Texto Completo387.67 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.