Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/3273
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorOliveira, Luciane Paula Batista Araújo de-
dc.contributor.authorLima, Fátima Geize Dantas de-
dc.date.accessioned2016-12-16T17:03:13Z-
dc.date.issued2016-12-09-
dc.identifier2012963276pr_BR
dc.identifier.citationLIMA, Fátima Geize Dantas de; OLIVEIRA, Luciane Paula Batista Araújo de; BARROS, Wanessa Cristina Tomaz dos Santos. Risco para Sofrimento Psíquico em Residentes Universitários. 2016. 22 f. TCC (Graduação) - Curso de Enfermagem, Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Santa Cruz, 2016.pr_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/3273-
dc.languagept_BRpr_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortepr_BR
dc.rightsembargoedAccesspr_BR
dc.subjectEstresse Psicológicopr_BR
dc.subjectEstudantes de Ciências da Saúdepr_BR
dc.subjectSaúde Mentalpr_BR
dc.titleRisco para Sofrimento Psíquico em Residentes Universitáriospr_BR
dc.typebachelorThesispr_BR
dc.description.embargo2019-12-16-
dc.contributor.advisor-co1Wanessa Cristina Tomaz dos Santos Barrospr_BR
dc.contributor.referees1Oliveira, Luciane Paula Batista Araújo de-
dc.contributor.referees2Magalhães, Adriana Gomes-
dc.description.resumoEste estudo teve como objetivo identificar riscos para sofrimento psíquico em residentes universitários por meio do Self Report Questionnaire (SRQ 20). Trata-se de um recorte da pesquisa do tipo exploratório-descritivo com perspectiva qualitativa e quantitativo, no município de Santa Cruz/RN, onde a coleta de dados ocorreu na residência universitária dos alunos dos cursos de graduação da Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi. As entrevistas foram realizadas com 40 residentes, dos quais 65% eram do sexo feminino e 35% do masculino. A média de pontos no SRQ 20 foi de 7,025, com scores que variaram de 1 a 17 pontos. Com base no referencial adotado, um somatório maior ou igual a 7 pontos comprova sofrimento psíquico, sendo que 18 participantes (45%) obtiverem essa pontuação. Foi demonstrado que muitos se encontravam em sofrimento psíquico durante nossa pesquisa, de acordo com o instrumento utilizado. Essa situação foi verificada em quase metade dos participantes e indica a necessidade de apoio social e acompanhamento psicológico desses estudantes, além de envolver também iniciativas de melhora do convívio dentro da residência, desenvolvimento de atividades para melhora de quadros de ansiedade e de alteração de sono, capazes de melhorar a qualidade de vida dentro e fora do ambiente acadêmico.pr_BR
dc.publisher.countryBrasilpr_BR
dc.publisher.departmentEnfermagempr_BR
dc.publisher.initialsUFRNpr_BR
dc.contributor.referees3Medeiros, Luciana Fernandes de-
Appears in Collections:Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
RISCO PARA SOFRIMENTO PSÍQUICO EM RESIDENTES UNIVERSITÁRIOS.pdf
Restricted Access Until 2019-12-15
Artigo Principal639.51 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons