Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/2980
Title: Fenótipos da síndrome metabólica e fatores cardiometabólicos em adultos e idosos
Authors: Gurgel, Giovana de Souza Cavalcanti
Keywords: síndrome metabólica, fatores cardiometabólicos, fenótipos, adultos e idosos.
Issue Date: 26-Oct-2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: GURGEL, Giovana de Souza Cavalcanti. Fenótipos da síndrome metabólica e fatores cardiometabólicos em adultos e idosos. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Nutrição) - Departamento de Nutrição, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, 2016.
Portuguese Abstract: A síndrome metabólica (SM) é uma doença multifatorial, cujos pacientes apresentam risco aumentado para o desenvolvimento da doença cardiovascular. O objetivo deste trabalho foi avaliar a frequência dos fenótipos que caracterizam o diagnóstico da SM, bem como outros fatores cardiometabólicos em adultos e idosos. Realizou-se um estudo transversal com 88 indivíduos adultos e idosos de ambos os sexos portadores de SM, diagnosticados conforme critérios do National Cholesterol Education Program Adult Treatment Panel III. Foi realizada uma avaliação antropométrica, avaliando-se o índice de massa corporal e a circunferência da cintura, aferição da pressão arterial, análises bioquímicas de perfil lipídico, glicêmico e insulina. Os resultados deste estudo mostraram que a idade média dos participantes foi de 50 (11) anos, maior frequência de SM no sexo feminino (72,7%). No presente estudo, observou-se uma maior frequência da SM nas mulheres acima de 50 anos. Os pacientes com SM apresentaram concentrações médias de glicemia (119,7), perfil lipídico, PCR-HS (1,983) cima dos valores de referência. Foi observado uma maior frequência de pacientes com hipertensão arterial (76,15%), triglicerídeos aumentados e HDL-c baixo, bem como IMC indicativo de obesidade. Foram encontradas 16 variáveis fenotípicas, sendo HAS/PA, DM/Gli, CC, HDL-c a mais frequente (18,2%) A hipertensão arterial apareceu como o fator mais comum nas combinações, mostrando assim sua importância no fenótipo da SM. Os resultados encontrados nesse estudo ressaltam a importância do diagnóstico precoce da SM, minimizando assim o impacto sobre a mortalidade decorrente de suas complicações.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/2980
Other Identifiers: 2012955229
Appears in Collections:Nutrição

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Fenótipossíndromemetabólica_2016_Trabalho de Conclusão de CursoTexto Completo562,75 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.