Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/2247
Title: Livros didáticos de História do Rio Grande do Norte: tratamento dado às questões africanas e afro-brasileiras antes e após 2003
Other Titles: Textbooks of history of Rio Grande do Norte: treatment given to african and afro-brazilian issues before and after 2003
Authors: Santos, Edineide Moreira dos
Keywords: Lei nº 10.639/03;Lei n° 11.645/08;Livros Didáticos de História do Rio Grande do Norte;Afro-brasileiros
Issue Date: 21-May-2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SANTOS, Edineide Moreira dos. Livros didáticos de História do Rio Grande do Norte: tratamento dado às questões africanas e afro-brasileiras antes e após 2003. 2016. 29f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em História e Cultura africana e afro-brasileira), Departamento de História, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Caicó, 2016.
Portuguese Abstract: O presente trabalho busca perceber o tratamento dado aos africanos nos livros didáticos de História do Rio Grande do Norte antes e depois da Lei 10.639/03. A lei 9.394/1996, conhecida como Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), modificada pela 10.639/2003, estabelece as diretrizes e bases da educação nacional, para “incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática História e cultura afro-brasileira” que também foi alterada pela lei 11.645/2008, lei essa que acrescenta além da História e cultura afro-brasileira a cultura indígena. A aprovação destas leis implica na necessidade de abordar a temática em voga aos currículos do Ensino Fundamental e Médio das escolas da rede publica e privada de todo o país. Nesse contexto procuramos problematizar nessa pesquisa como a temática era abordada nos livros didáticos de História do Rio Grande do Norte antes de 2003 e após a promulgação da referida lei, já que o livro didático ainda é um instrumento muito utilizado entre professores e alunos no processo ensino aprendizagem. Nosso corpus de análise é constituído por seis livros didáticos de História do Rio Grande do Norte, ambos do Ensino Fundamental I (que compreende do 1º ano 5º ano), quatro deles publicados em 1984/1994, período este anterior à lei entrar em vigor, e dois deles em 2011 e 2012, no período que precede a lei 10.639/2003. Como suporte metodológico utilizamos o método qualitativo, para através das análises verificarmos como a temática era tratada e se realmente após a lei ela é contemplada. Dessa forma constatamos que antes da lei, os livros de História do Rio Grande do Norte já traziam de forma superficial, silenciosa ou até oculta a história e a cultura dos afrodescendentes, mostrando apenas o que foi a escravidão, os maus tratos aos quais africanos e seus descendentes foram acometidos em sua trajetória de vida aqui no Brasil. Depois da lei observamos uma maior preocupação dos livros didáticos de História do Rio Grande do Norte em tratar a questão com maior ênfase, muitos deles começando pela própria capa, quando aparece o processo de miscigenação e a presença do negro como um construtor também da cultura do Estado.
Abstract: The present study seeks to understand the treatment given to Africans in textbooks of history of the Rio Grande before and after the law 10,639/03. The law 9,394/1996, known as the Law of Guidelines and Bases of education (LDB), modified by 10,639/2003 establishes the guidelines and bases for national education, to "be included in the official curriculum of the education network the obligation to subject Afro-Brazilian history and culture "which was also amended by law 11,645/2008, this law which adds in addition to Afro-Brazilian history and culture indigenous culture. The approval of these laws implies the need to address the subject in vogue to elementary and high school curricula of public and private schools across the country. In this context, we are looking for several questions in this research as the theme was discussed in textbooks of history of the Rio Grande before 2003 and after the enactment of the Act, since the textbook is still a widely used instrument between teachers and students in the teaching learning process. Our corpus of analysis consists of six books of the history of Rio Grande do Norte, both of elementary school I (comprising the 1º year 5º year), four of them published in 1984/1994, this period before the law comes into force, and two of them in 2011 and 2012, in the period that precedes the law 10,639/2003. Methodological support using qualitative method, for through the analyses we check how the theme was treated and if after the law she is contemplated. Thus we see that before the law, the history of Rio Grande do Norte already brought so superficial, silent or even hides the history and culture of Afro-descendants, showing only what was slavery, the ill-treatment to which Africans and their descendants were affected in its trajectory of life here in Brazil. After the law we observed a greater concern of the textbooks of history of Rio Grande do Norte in dealing with the matter with greater emphasis, many of them starting with the cover itself, when the process of miscegenation and the presence of black as a constructor of the culture of the State.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/2247
Other Identifiers: 2014222461
Appears in Collections:CERES - Especialização em História e Cultura Africana e Afro-brasileira

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Artigo_Edineide_Moreira_dos_Santos.pdfArtigo principal 354.02 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.