Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/2208
Title: Distúrbios respiratórios em pacientes com doença de Chagas
Authors: Bezerra, Tissiany Sabrine de Freitas
Keywords: doença de Chagas;cardiopatia;distúrbios respiratórios
Issue Date: 2016
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: BEZERRA, Tssiany Sabrine de Freitas. Distúrbios respiratórios em pacientes com doença de Chagas. 2016. 16f. Trabalho de Conclusão de Curso (Especialização em Fisioterapia Cardiorrespiratória.) - Departamento de Fisioterapia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, 2016.
Portuguese Abstract: Introdução: A doença de Chagas é um problema social e econômico, pode ser classificada em duas fases sendo estas aguda, caracterizada pela ausência de sintomas podendo evoluir para a fase crônica. Dentre as mais diversas alterações que a patologia ocasiona, está a insuficiência cardíaca que repercute diretamente na vida do paciente chagásico que tem suas funções respiratórias comprometidas, bem como sua qualidade de vida. Objetivo: realizar uma revisão bibliográfica para analisar os distúrbios respiratórios em pacientes com doença de chagas. Métodos: foi realizado por meio de uma revisão bibliográfica de caráter exploratório e descritivo, baseado em pesquisa científica online e base de dados bibliográficas no período de março a abril do presente ano. Resultados: foram selecionados 15 artigos em inglês e português, porém 4 foram utilizados para discussão do trabalho já que apresentavam conteúdo específico. As alterações de força muscular inspiratória não está diretamente ligadas á cardiomiopatia chagásica. No entanto, as alterações provocadas na capacidade funcional, foi encontrada apenas em pacientes tabagistas e quanto a intolerância ao exercício, não há comprometimento na realização dos mesmos. Conclusão: As alterações cardiorrespiratórias mais significativas na doença de Chagas estão ligadas às patologias pulmonares associadas, de forma que a doença isoladamente não é capaz de produzir danos consideráveis no condicionamento dos pacientes avaliados. No entanto, é necessário novos estudos, visto que a escassez na literatura em relação ao assunto abordado é notório.
Abstract: Introduction: Chagas disease is a social and economic problem, can be classified into two phases and these acute, characterized by the absence of symptoms may progress to the chronic phase. Among the various changes that the disease causes is heart failure that impacts directly on the lives of chagasic patients who have their compromised respiratory function and quality of life. Objective: perform a literature review to examine disordered breathing in patients with Chagas disease. Methods: We performed through a literature review of exploratory and descriptive, based on scientific research and online bibliographic database in the period from March to April of this year. Results: 15 articles were selected in English and Portuguese, but 4 were used for discussion of the work as it had specific content. Changes in inspiratory muscle strength is not directly connected will Chagas cardiomyopathy. However, the changes caused in functional capacity, was only found in smokers and as exercise intolerance, there is no commitment to their realization. Conclusion: most significant changes in cardiorespiratory the Chagas disease are connected to associated lung diseases, so that the disease itself is not capable of producing substantial damage to the conditioning of patients evaluated. However, it is necessary further studies, since shortages in the literature regarding the subject matter is notorious.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/2208
Other Identifiers: 2014222381
Appears in Collections:Especialização em Fisioterapia Cardiorrespiratória

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Distúrbios respiratórios em pacientes com doença de Chagas_2016_TCC.pdfTexto Completo371,6 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.