Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/1985
Title: Heterogeneidade ambiental em um fragmento de Mata Atlântica e sua influência em Lepidoptera e suas hospedeiras
Authors: Brito, Rebeca Medeiros Rodrigues de
Keywords: Abertura de Dossel;Herbivoria;Fotografias Digitais
Issue Date: 8-Dec-2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: BRITO, Rebeca Medeiros Rodrigues de. Heterogeneidade ambiental em um fragmento de Mata Atlântica e sua influência em Lepidoptera e suas hospedeiras. 2015. 34 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) Departamento de Ecologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: Insetos da ordem Lepidoptera dependem de suas plantas hospedeiras, sendo sensíveis às variações nesse recurso. Em remanescentes florestais, a abundância de lepidópteras deve diferir entre ambientes de borda ou interiores de mata, em resposta às diferenças na disponibilidade e qualidade do recurso. Um dos fatores abióticos que influencia essas diferenças é a incidência de luz, que varia de acordo com a abertura de dossel no ambiente. Este trabalho teve como objetivo caracterizar três áreas de um fragmento de Mata Atlântica a partir de suas aberturas de dossel, para discutir o efeito de fatores abióticos sobre a composição de plantas e lepidópteras associadas. Foi utilizada base de dados sobre interação de Lepidoptera e suas hospedeiras, compilados ao longo de seis anos (2008 a 2014). A área de estudo foi um fragmento de Mata Atlântica, conhecido como Mata do Jiqui, localizado no município de Parnamirim/RN. Coletas foram realizadas em área de Borda da Mata, Interior da Mata e Margem do Rio. As amostras de lepidópteras e suas plantas hospedeiras foram coletadas mensalmente ao longo dos seis anos. A abertura de dossel foi estimada a partir de fotografias digitais e comparada entre as áreas. As análises das fotografias mostraram que a Borda apresentou a maior abertura e heterogeneidade de dossel, enquanto o Interior de Mata e Margem do Rio não apresentaram diferença significativa entre si. A Borda da Mata foi a área com maior número de amostras de lepidópteras e suas plantas hospedeiras, com maior número espécies ocorrendo apenas nesse ambiente. A estrutura da área de borda possibilita maior incidência solar, favorecendo a quantidade e qualidade dos recursos alimentares das lepidópteras
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/1985
Other Identifiers: 2010059867
Appears in Collections:Ecologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
HeterogeneidadeAmbiental_Brito_2015.pdfMonografia1.12 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons