Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/1942
Title: Um diálogo entre arquitetura itinerante e natureza: anteprojeto de uma habitação nômade, projeto casulo
Authors: Soares, Ingrid Nogueira
Keywords: Habitação;Arquitetura de baixo impacto ambiental;Arquitetura portátil;Natureza
Issue Date: 9-Dec-2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOARES, Ingrid Nogueira. Um diálogo entre arquitetura itinerante e natureza: anteprojeto de uma habitação nômade, projeto casulo. 2015. 89f, Trabalho de Conclusção de Curso (Graduação em Arquitetura e Urbanismo) - Departamento de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2015.
Portuguese Abstract: A distância entre o homem moderno e a natureza, somada a banalização da degradação ambiental, gera, muito frequentemente, uma arquitetura que não leva em consideração o meio ambiente ou o contexto em que está inserida, questões de grande destaque nos dias atuais. Onde acabam por surgir e se difundir linhas de pensamento que desenvolvem estratégias para minimizar os impactos da construção civil sobre o meio natural. Tudo isso ocorre enquanto a globalização e a era digital se intensificam, diminuindo as "distâncias reais", relativizando fronteiras e aumentando a autonomia dos indivíduos. É nesse contexto e analisando essas tendências, que o presente trabalho se propõe a projetar uma estrutura arquitetônica móvel e de baixo impacto ambiental, que possa abrigar pessoas com o desejo de estarem junto a natureza, possibilitando um contato mais harmonioso entre o construído, o natural e o homem.
Abstract: The distance between modern man and nature, plus the trivialization of enviromental degradation, generates, very often, an architecture that does not take under consideration the enviroment or even the context which is in, issues of great importance nowadays. Where strategies to minimize the damage that construction does to the natural world, eventually emerge and spread. All of this occurs while globalization and digital age intensifies, decreasing distances, relativizing boundaries and increasing individual autonomy. It is in this context and analyzing these tendencies, that the present paper proposes to project a mobile and of low enviromental impact architectural structure that is able to shelter people with the desire of being close to nature, making possible a more harmonious existance between the constructed, nature and man.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/1942
Other Identifiers: 2010034040
Appears in Collections:Arquitetura e Urbanismo



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons