Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/1598
Title: Desenvolvimento de novas metodologias analíticas utilizando ferramentas quimiométricas e processamento de imagens para determinação quantitativa de compostos em sistemas biológicos
Authors: Morais, Camilo de Lelis Medeiros de
Keywords: Análise bioquímica;Método colorimétrico;Imagens RGB;MCR
Issue Date: 2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MORAIS, Camilo de Lelis Medeiros de. Desenvolvimento de novas metodologias analíticas utilizando ferramentas quimiométricas e processamento de imagens para determinação quantitativa de compostos em sistemas biológicos. 2015. 61f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal - RN, 2015.
Portuguese Abstract: Novas metodologias analíticas foram desenvolvidas para quantificação de compostos em sistemas biológicos na presença de interferentes desconhecidos. O estudo foi realizado através de reações colorimétricas para determinação de colesterol total, colesterol HDL, triglicerídeos, proteínas totais, glicose, albumina e creatinina em plasma sanguíneo, por meio da formação de cromóforos por reações enzimáticas ou de complexação. Uma vez que os produtos de tais reações absorvem na região do visível, as metodologias analíticas desenvolvidas tiveram como base o sistema de imagens RGB (red-green-blue), o qual apresenta um grande potencial, devido a sua alta portabilidade, custo bastante reduzido, alta simplicidade de uso e rápida aquisição de dados.Ferramentas quimiométricas, tais como a resolução de curva multivariada por mínimos quadrados alternados (MCR-ALS), foram utilizadas para a quantificação das espécies no meio. Todos os resultados encontrados pelos métodos desenvolvidos foram comparados com os encontrados pelo método de referência, através da espectroscopia UV-Vis. De modo geral, foram encontradas taxas de recuperação próximas a 100%, ampla faixa linear, erros de calibração e previsão inferiores a 15% e não houve diferenças estatísticas em um nível de confiança de 95% entre os resultados alcançados pelos métodos propostos quando comparados com a metodologia oficial para análises bioquímicas.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/1598
Other Identifiers: 2012980366
Appears in Collections:Química (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MetodologiasAnaliticas_Morais_2015.pdfMonografia3.44 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons