Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/1487
Title: Caracterização química da fração lipídica da esponja Niphates sp.
Authors: Lourenço, Sheeza Duarte
Keywords: Metabólitos secundários;Produtos naturais marinhos;Fração lipídica
Issue Date: 9-Oct-2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: LOURENÇO, Sheeza Duarte. Caracterização química da fração lipídica da esponja Niphates sp. 2015. 60f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Química) - Instituto de Química, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal - RN, 2015.
Portuguese Abstract: O oceano representa mais de 95% da biosfera e cobre 70% da superfície da terra. Há muitos anos não era uma área tão explorada, porém com descobertas de novos compostos ativos houve uma necessidade de explorá-lo e nas duas últimas décadas, a procura por produtos naturais derivados de organismos marinhos foi expandida a todos os oceanos do mundo. A biodiversidade marinha possui um grande número de moléculas bioativas, incluindo compostos orgânicos naturais, como ácidos graxos, polissacarídeos, poliéter, peptídeos, enzimas e proteínas (OGAWA, T. et al, 2011). Devido aos organismos marinhos ter se mostrado uma fonte rica em metabólitos secundários, que são metabólitos que eles mesmos conseguem produzir, biologicamente ativos, atraíram, então, o interesse de químicos e farmacologistas. A vida marinha animal tem sido estudada visando à obtenção de produtos bioativos e os produtos naturais marinhos representam uma enorme fonte de novas drogas, muitas vezes com estruturas únicas, associadas com propriedades biológicas. O gênero Niphates tem característica de apresentar atividades citotóxicas, inibidoras de células carcinogênicas e atividade antimicrobiana. Técnicas clássicas de cromatografia em gel de sílica permitiram o isolamento de uma mistura esteroidal com o β-sitosterol majoritário. A caracterização e a elucidação dos metabólitos secundários foram realizadas através da analise dos dados de espectrometria de massa, Ressonância Magnética Nuclear 1H e de 13C. A análise das frações lipídicas mostraram diferentes tipos de ácidos graxos com variados tamanhos de cadeia na fração saponificável e de uma substância, o acetonafteno (C12H10O). Os constituintes presentes nessas frações foram identificados por comparação de espectro de massa referente a cada pico do cromatograma com espectros de massas em bancos de dados da literatura NIST08.
URI: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/1487
Other Identifiers: 2011028200
Appears in Collections:Química (bacharelado)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CaracterizaçaoQuimica_Lourenço_2015.pdfMonografia2,11 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons