Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/1365
Title: A educação musical em espaços não-formais: o Projeto El Sistema na Venezuela
Authors: Damasceno, Zápata Evans Lima
Keywords: Educação musical;Organizações não-governamentais;Educação não-formal;Venezuela;Projeto El Sistema
Issue Date: 2014
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: DAMASCENO, Zápata Evans Lima. Educação musical em espaços não-formais: o Projeto El Sistema na Venezuela. 2014. 48 f. Monografia (graduação) - Escola de Música, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, 2014.
Portuguese Abstract: Esse trabalho visa analisar o projeto de educação musical El Sistema, implantado na Venezuela a partir de 1975, sob a coordenação do músico José Antonio Abreu. Foram utilizados, na realização desse trabalho, os métodos histórico, comparativo e estatístico. As técnicas de pesquisa empregadas foram as técnicas de documentação direta e a técnica de documentação indireta. Desde sua efetivação, o projeto El Sistema continuou sendo aperfeiçoado e vem contribuindo de forma exitosa para a massificação da educação musical na Venezuela, já que trezentas mil crianças e jovens participam no projeto, sob a orientação de três mil e quinhentos professores de música, os quais ensinam inclusive a crianças e jovens portadores de necessidades especiais. Esse trabalho visa também divulgar a importância do projeto El Sistema e das Organizações Não Governamentais (ONGs) para a educação musical, perante a comunidade acadêmica local, representada pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Graças ao projeto El Sistema, existem na Venezuela trezentas e noventa e seis orquestras juvenis e infantis, trezentos e quarenta e dois corais infantis e juvenis, bem como Estados que possuem mais de trinta orquestras, ao contrário do Brasil, onde existem Estados que têm apenas uma orquestra sinfônica, apesar de existir vultosos recursos financeiros no país.
Abstract: This work aims to analyze the El Sistema music education project, implemented in Venezuela since 1975, under the coordination of the musician José Antonio Abreu. In performing this work, historical, comparative and statistical methods were used. The research techniques employed were the direct documentation technique and indirect documentation. Since its implementation, the El Sistema musical project has been improved and contributed to the successful widespread of musical education in Venezuela, since three hundred thousand children and young participate in the project, under the guidance of three thousand five hundred teachers of music, which teach even the children and young people with special needs. This work aims to promote the importance of the project El Sistema and of the Non Governmental Organizations (NGOs) for the music education, before the local academic community, represented by the Federal University of Rio Grande do Norte (UFRN). Thanks to the project El Sistema, in Venezuela there are three hundred ninety-six youth and children's orchestras, three hundred forty-two choirs of children and youth as well as States having over thirty orchestras, unlike Brazil, where there are records of states that have just a one orchestra, although there is sizeable financial resources in the country.
URI: http://monografias.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/1365
Other Identifiers: 2010085963
Appears in Collections:Música

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DAMASCENO, Zapata Evans Lima_A educação musical em espaços não formais_2014.2.pdfMonografia - Licenciatura em Música - 20141.35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.