Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/1164
Título: Evasão escolar:Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos promovendo o avanço escolar
Autor(es): MEDEIROS, Roseanne Keylle Dantas de
Palavras-chave: Evasão escolar.;Famílias.;Crianças e adolescentes.
Data do documento: 9-Jun-2015
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Referência: MEDERIOS, Roseanne Keylle Dantas de.Evasão escolar: Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos promovendo o avanço escolar. Caicó UFRN, 2015
Resumo: Este trabalho investiga os motivos que leva crianças e adolescentes integrantes do serviço de convivência e fortalecimento de vínculos do Centro de Referência da Assistência Social - CRAS TIA ALDA a se evadirem das escolas. Tendo em vista que a evasão escolar é um dos problemas que as instituições de ensino vêm enfrentando ao longo dos tempos. Entende-se que a participação das crianças e dos adolescentes em programas sociais contribui para amenizar esse déficit da educação brasileira. Diante disso é que o Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos tem o intuito de promover o avanço escolar tanto na participação assídua dos usuários como em sua aprendizagem significativa dos conteúdos escolares e extraescolares. Para atingir os objetivos utilizou-se como metodologia a pesquisa bibliográfica e qualitativa. A coleta de dados foi realizada através do instrumento questionário. A construção teórica que norteou a discussão teve como base os estudos de Freire (1987), Libâneo (2001), a Lei de Diretrizes e bases da Educação Nacional - LDB 9.394/96, a Constituição Federal do Brasil 1988, o Estatuto de Criança e do adolescente - EECA (1990), como também os aportes teóricos do Ministério do Desenvolvimento que orienta o desenvolvimento dos programas sociais. Através das pesquisas realizadas, ficou esclarecido que a evasão escolar ocorre por vários motivos: a situação social que essas famílias estão inseridas, muitas delas estão em condição marginalizada; a falta de atenção dos responsáveis por esses estudantes; a ausência de uma escola com práticas atrativas que garanta a entrada, a permanência e o sucesso escolar dos alunos. O trabalho em parceria com as instituições responsáveis pela garantia do direito à educação das crianças e dos adolescentes pode ser uma possibilidade de efetivar ações de prevenção e combate à evasão, como o constatado no - CRAS Tia Alda.
URI: http://monografias.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/1164
Outros identificadores: 2011002571
Aparece nas coleções:CERES - Pedagogia

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
RoseanneKeylle.Pedagogia.pdf756,23 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.