Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11498
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSilva, Gualter Guenther Costa da-
dc.contributor.authorDanino, Giovana Soares-
dc.date.accessioned2021-04-29T18:17:39Z-
dc.date.available2021-04-29T18:17:39Z-
dc.date.issued2020-11-
dc.identifier2016037462pt_BR
dc.identifier.citationDANINO, Giovana Soares. Produção de capim-elefante submetido à doses crescentes de manipueira. 2020. 48f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Agronômica) - Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Macaíba, 2020.pt_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11498-
dc.description.abstractAlternative sources of fertilizers have intensified in recent years, due to the importance of better using natural resources and the recurrent need for conservation practices and preservation of these resources. In view of the inadequate disposal of cassava wastewater, its potential as fertilizer, the need for search for new sustainable practices to meet agronomic demands and the concern to increase the income of rural producers, the present study aimed to assess growth of elephant grass (Pennisetum purpureum Schum.) cv. Cameroon under increasing doses of cassava wastewater. The experiment was conducted at the Agricultural School of Jundiaí, the experimental design was in randomized blocks, with five treatments and four replications. The treatments applied were increasing doses of cassava wastewater (0, 20, 40, 60, 80 m3 ha-1 ). Two cuts were performed every 75 days to evaluate the following variables: plant height, stem diameter, number of tillers, fresh matter production and dry matter production. A positive linear correlation was obtained between the increase in the cassava wastewater dose and the variables: plant height, stem diameter, fresh and dry mass production. Cassava wastewater can be used as organic fertilizer in elephant grass cv. Cameroon aiming at improvements in productive characteristics, as it provided greater gain in height, greater stem diameter, greater production of fresh matter and dry matter, when the dose of 80 m3 ha-1 was used.pt_BR
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortept_BR
dc.rightsCC0 1.0 Universal*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/publicdomain/zero/1.0/*
dc.subjectForragempt_BR
dc.subjectProdução orgânicapt_BR
dc.subjectSustentabilidadept_BR
dc.subjectFodderpt_BR
dc.subjectOrganic productionpt_BR
dc.subjectSustainabilitypt_BR
dc.titleProdução de capim-elefante submetido à doses crescentes de manipueirapt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
dc.contributor.advisor-co1Ermelinda Maria Mota Oliveirapt_BR
dc.contributor.referees1Oliveira, Ermelinda Maria Mota-
dc.contributor.referees2Bezerra, Márcio Gleybson da Silva-
dc.description.resumoAs fontes alternativas de fertilizantes tem se intensificado nos últimos anos, devido à importância de melhor utilizar os recursos naturais e da recorrente necessidade de práticas de conservação e preservação destes recursos. Tendo em vista o descarte inadequado da água residuária da mandioca, o seu potencial como fertilizante, a necessidade de buscas por novas práticas sustentáveis para suprir as demandas agronômicas e a preocupação em aumentar a renda dos produtores rurais, o presente trabalho teve como objetivo avaliar o crescimento do capim-elefante (Pennisetum purpureum Schum.) cv. Cameroon sob doses crescentes de água residuária da mandioca. O experimento foi conduzido na Escola Agrícola de Jundiaí, o delineamento experimental foi em blocos casualizados, com cinco tratamentos e quatro repetições. Os tratamentos aplicados foram doses crescentes de água residuária da mandioca (0, 20, 40, 60, 80 m3 ha-1). Foram realizados dois cortes, a cada 75 dias, para a avaliação das seguintes variáveis: altura da planta, diâmetro do colmo, número de perfilhos, produção de matéria fresca e produção de matéria seca. Obteve-se correlação linear positiva entre o aumento da dose de água residuária da mandioca e as variáveis: altura da planta, diâmetro do colmo, produção de matéria fresca e seca. A água residuária da mandioca pode ser utilizada como fertilizante orgânico em Capim-elefante cv. Cameroon visando melhorias nas características produtivas, pois propiciou maior ganho em altura, maior diâmetro de colmo, maior produção de matéria fresca e matéria seca, quando utilizado a dose de 80 m3 ha-1.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentEngenharia Agronômicapt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
Appears in Collections:Engenharia Agronômica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ProducaoSubmetidoCrescentes_Danino_2020.pdf639,47 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons