Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/jspui/handle/123456789/1141
Title: Gestão de pessoas como estratégia de competitividade: o caso da Lavanderia Primavera
Authors: Silva, Vinicius Santos.
Keywords: Gestão de Pessoas.;Competitividade.;Gestão estratégica.;Lavanderia Primavera.
Issue Date: Jul-2015
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Vinicius Santos. Gestão de pessoas como estratégia de competitividade: o caso da Lavanderia Primavera. 2015. 51 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) – Centro de Ensino Superior do Seridó, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Currais Novos, 2015.
Portuguese Abstract: O objetivo desse estudo foi mostrar como a gestão estratégica de pessoas pode fomentar uma maior competitividade para a Lavanderia Primavera. Para isso buscou-se compreender o atual processo de recrutamento e seleção, verificar as atuais estratégias de remuneração e capacitação, analisar sob a ótica do gestor o turnover da empresa e propor práticas de gestão estratégica de pessoas para otimizar os resultados. Quanto a metodologia, esta pesquisa é do tipo descritiva e exploratória. O sujeito da pesquisa foi o próprio gestor de pessoas da empresa, o método de coleta de dados foi por base de questionário e teve como tratamento dos dados análise de conteúdo. Os resultados apontaram que a Gestão Estratégica de Pessoas da Lavanderia Primavera está auxiliando a organização a se preparar melhor para com as circunstancias do ambiente externo. O recrutamento e seleção são fatores considerados pelo gestor como primordiais para formar o corpo funcional da empresa e que a utilização de fontes informais está gerando maiores índices para o recrutamento do que os meios mais formais. A utilização da descrição e analise de cargo vem a cada dia favorecendo na quantidade de informações que de certa forma contribui para com a gestão de pessoas da empresa na hora da avaliação dos candidatos e que a utilização de incentivos ajudam os funcionários a terem um foco nos objetivos e que favorecem na sua motivação. Diante do que foi apresentado observou-se que a rotatividade está ocasionando mais custos e menos eficiência para a Lavanderia Primavera, sendo considerado um dos principais problemas enfrentados atualmente pela empresa, causando impacto direto na gestão de pessoas. Torna-se, portanto, necessário que a política de recursos humanos esteja integrada com toda a organização, para que a gestão de pessoas possibilite manter os melhores profissionais e substituir os menos eficientes. Cabe a Lavanderia Primavera investir numa gestão estratégica de pessoas que favoreça a ter profissionais mais capacitados e que melhorem produtividade, a qualidade dos serviços e consigam satisfazer os clientes.
URI: http://monografias.ufrn.br:8080/jspui/handle/123456789/1141
Other Identifiers: 2011042236
Appears in Collections:CERES - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Gestão de pessoas como estratégia de competitividade_Relatório de Estágio_2015.pdfRelatório de Estágio973.7 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.