Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11382
Título: Residência multiprofissional e vivências no Quilombo: um relato de experiência.
Autor(es): Dantas, Marcella Moara Medeiros
Palavras-chave: Vivências;Quilombo;Residência Multiprofissional
Data do documento: 5-Fev-2021
Editor: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Referência: DANTAS, Marcella Moara Medeiros. Residência multiprofissional e vivências no Quilombo: um relato de experiência. Orientadora: Raquel Littério de Bastos. 2021. 30 f. Monografia (Especialização) - Curso de Residência Multiprofissional em Atenção Básica, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Currais Novos, 2021.
Resumo: Este texto objetivou produzir um relato de experiência a partir da participação da Residência Multiprofissional em Atenção Básica da Escola Multicampi de Ciências Médica (EMCM) em vivências no quilombo, as quais aconteceram em dois momentos durante os meses de Novembro e Dezembro de 2019. No primeiro momento, ocorreu a imersão dos residentes na Comunidade Quilombola Negros do Riacho, localizada no Município de Currais Novos/RN e no segundo momento houve a participação do programa no I Estágio de Vivência no Quilombo Rio dos Macacos, realizado na cidade de Salvador/BA, promovido pela Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública (EBMSP), destinado a estudantes e profissionais da saúde de todas as instituições de ensino superior do Brasil. Durante as vivências com a população quilombola foram utilizadas técnicas de observação como o caderno de notas e diário de campo. Além disso, como estratégia metodológica, realizou-se revisão bibliográfica de autores que retratam a historicidade e o cotidiano de comunidades quilombolas, que compreendem a saúde em sua totalidade, considerando seus determinantes sociais, bem como análise documental de boletins epidemiológicos em quilombos referente à COVID-19, dados da Fundação Cultural Palmares referente à certificação de comunidades quilombolas no RN e dados do Ministério da Cidadania em relação às famílias quilombolas inseridas no Cadastro Único. A aproximação do Programa de Residência Multiprofissional em Atenção Básica (PRMAB) com as necessidades de saúde de comunidades negras rurais fortalece o compromisso político das residências em defesa do SUS, enquanto direito social e que possui como princípios doutrinários a equidade, integralidade e universalidade. O produto final da pesquisa é este relato de experiência com estrutura do texto de acordo com as exigências de um trabalho científico.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11382
Outros identificadores: 20194000490
Aparece nas coleções:Residência Multiprofissional em Atenção Básica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ResidênciaMultiprofissional_Dantas_2021.pdf
Acesso restrito até 2021-12-10
Parte do trabalho será publicado em evento científico.
1.29 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir    Solictar uma cópia


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.