Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11201
Title: Grupo estratégico de promoção da saúde como dispositivo de cuidado a pessoas com Diabetes Mellitus
Other Titles: Strategic health promotion group as a care device for people with Diabetes Mellitus
Authors: Araújo, Juliana Iscarlaty Freire de
Keywords: Diabetes mellitus;Autonomia pessoal;Promoção da saúde;Enfermagem
Issue Date: 2-Dec-2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ARAÚJO, Juliana Iscarlaty Freire de. Grupo estratégico de promoção da saúde como dispositivo de cuidado a pessoas com diabetes mellitus. 2020. 29f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Enfermagem) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Faculdade de Ciências da Saúde do Trairi. Santa Cruz, RN, 2020.
Portuguese Abstract: A Diabetes Mellitus é caracterizada como uma síndrome metabólica com etiologia heterogênea caracterizada pelo quadro de hiperglicemia persistente, apresenta fatores pré-existentes e condicionantes, como a obesidade, hábitos alimentares, sedentarismo, hereditariedade, entre outros fatores, e estes, em muitos casos, podem ser prevenidos ou controlados por meio de ações de promoção da saúde e mudanças nos modos de vida. Este estudo objetiva analisar as experiências dos sujeitos que participaram de um grupo com estratégias delimitadas, em relação a sua qualidade de vida, controle da doença e exercício da autonomia pessoal. Trata-se de um estudo do tipo participativo, com abordagem qualitativa, apoiada na reflexibilidade. O trabalho mostrou que o grupo assume uma característica de rede de apoio, onde a premissa da troca de vivências contribui significativamente no processo de transformação do outro, contribuindo para o processo de co-construção da autonomia pessoal dos sujeitos envolvidos. Pode-se concluir que as práticas grupais como dispositivo de promoção da saúde, possibilitam um impacto positivo na qualidade de vida das pessoas, desenvolvimento da autonomia e autocuidado.
Abstract: Diabetes Mellitus is characterized as a metabolic syndrome with a heterogeneous etiology characterized by persistent hyperglycemia, presents pre-existing and conditioning factors, such as obesity, eating habits, physical inactivity, heredity, among other factors, and these, in many cases, can be prevented or controlled through health promotion actions and changes in lifestyles. This study aims to analyze the experiences of the subjects who participated in a group with defined strategies, in relation to their quality of life, disease control and exercise of personal autonomy. This is a participatory study, with a qualitative approach, supported by reflexivity. The work showed that the group assumes a characteristic of a support network, where the premise of exchanging experiences contributes significantly to the process of transforming the other, contributing to the process of co-construction of the personal autonomy of the subjects involved. It can be concluded that group practices as a health promotion device, allow a positive impact on people's quality of life, development of autonomy and self-care.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11201
Other Identifiers: 20160140984
Appears in Collections:FACISA - Enfermagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Grupoestrategico_Araujo_2020..pdf
Restricted Access Until 2025-12-25
Parte da monografia será submetida para publicação na Revista Cadernos de Saúde Pública.
Monigrafia_Araujo_2020332,98 kBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons