Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11081
Title: Impactos da eletroestimulação transcraniana por corrente contínua nos sintomas pré-menstruais em mulheres com dismenorreia primária
Authors: Sena, Ingrid Peregrino da Silva
Keywords: Dor crônica;Dor pélvica;Síndrome pré-menstrual;Ciclo menstrual;Terapia por estimulação elétrica;Saúde da mulher;Modalidades da fisioterapia
Issue Date: 19-Nov-2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SENA, Ingrid Peregrino da Silva. Impactos da eletroestimulação transcraniana por corrente contínua nos sintomas pré-menstruais em mulheres com dismenorreia primária. 2020. 36 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Departamento de Fisioterapia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, 2020.
Portuguese Abstract: Objetivo: observar a presença dos Sintomas Pré-menstruais (SPM) no distúrbio disfórico pré-menstrual (DDPM), frequentes do ciclo menstrual antes e após aplicação da estimulação transcraniana por corrente contínua (ETCC) em mulheres com dismenorreia primária (DP). Métodos: série de casos composta por 14 mulheres com DP. Todas as participantes foram avaliadas nas primeiras 24 horas do ciclo menstrual e reavaliadas nos dois períodos seguintes. Para análise de sintomas, foi utilizado a ferramenta de triagem dos sintomas pré-menstruais (PSST) e para análise da satisfação, aplicou-se a escala de percepção global de mudança (PGI). A intervenção foi realizada por 5 dias consecutivos em região de córtex pré-frontal dorso lateral esquerdo (CPDL) por 20 minutos. A estatística descritiva e o teste t-Student pareado foram utilizados. Resultados: 13 mulheres foram analisadas no estudo. A idade média foi de 26 ± 3,64 anos. A maioria das voluntárias era solteira, autodeclaradas pardas, com mais de 10 anos de estudos, nulíparas, com IMC normal e sem uso de medicação analgésica. Houve um aumento de 30,8% para “não apresenta DDPM”. Não houve diferença estatística antes e após a ETCC para o nível de satisfação. Conclusão: ETCC em CPDL parece ser uma ferramenta útil na melhora dos SPM no DDPM em mulheres com DP apesar de não haver diferença estatística. Pesquisas futuras com maior número de participantes fazem-se necessárias.
Abstract: Objective: to observe the presence of Premenstrual Symptoms (PMS) in premenstrual dysphoric disorder (PMDD), frequent in the menstrual cycle before and after application of transcranial direct current (tDCS) stimulation in women with primary dysmenorrhea (PD). Methods: case series composed of 14 women with PD. All participants were evaluated in the first 24 hours of the menstrual cycle and reassessed in the following two periods. For symptom analysis, the premenstrual symptoms screening tool (PSST) was used and for satisfaction analysis, the Patient Global Impression of Change (PGI) was applied. The intervention was performed for 5 consecutive days in the left dorsal prefrontal cortex (DLPFC) region for 20 minutes. Descriptive statistics and the paired t-Student test were used. Results: 13 women were analyzed in the study. The mean age was 26 ± 3.64 years. Most of the volunteers were single, self-declared brown, with more than 10 years of study, nulliparous, with normal BMI and without using analgesic medication. There was an increase of 30.8% for "does not have PMDD". There was no statistical difference before and after tDCS for the level of satisfaction. Conclusion: tDCS in DLPFC seems to be a useful tool in improving PMS in PMDD in women with PD, although there is no statistical difference. Future research with a larger number of participants is necessary.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11081
Other Identifiers: 2014079534
Appears in Collections:Fisioterapia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ImpactosdaEletroestimulaçãoTranscraniana_Sena_2020Texto Completo1,22 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.