Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10962
Title: Caracterização da imunogenicidade de proteínas recombinantes quiméricas de Trypanosoma cruzi em modelo murino
Authors: Araujo, Isadora Bezerra Menezes de
Keywords: Doença de Chagas;Proteínas;MixIBMP;Hidróxido de alumínio;Anticorpos;Imunogenicidade
Issue Date: 4-Dec-2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ARAUJO, Isadora Bezerra Menezes de. Caracterização da imunogenicidade de proteínas recombinantes quiméricas de Trypanosoma cruzi em modelo murino. 2020.27f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Farmácia) - Departamento de Análises Clínicas e Toxicológicas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2020.
Portuguese Abstract: A doença de Chagas (DC) é uma patologia de preocupação mundial causada pelo patógeno Trypanosoma cruzi. Assim, é preciso adotar medidas mais eficazes visando diminuir a propagação dessa doença, por isso foi elaborado um protocolo de imunização com mix de quatro proteínas recombinantes quiméricas chamadas de IBMP-8.1; IBMP-8.2; IBMP-8.3; IBMP-8.4 associadas ou não ao adjuvante hidróxido de alumínio, objetivando caracterizar sua capacidade imunogênica para proteção contra T. cruzi. Os camundongos fêmeas BALB/c foram imunizados e amostras de sangue foram obtidas nos tempos 15, 30 e 45 dias após imunização. O perfil de anticorpos IgG total e suas subclasses, IgG1 e IgG3, foram determinados por imunoensaio enzimático. Os dados reportam a maior produção de IgG total anti-IBMP- 8.1; 8.2; 8.3; 8.4 no grupo em associação ao hidróxido de alumínio (MixIBMP + Alum), já o grupo do MixIBMP sozinho não apresentou significância em relação ao controle negativo. Contudo, na subclasse IgG1 houve produção dos anticorpos nos dois grupos, sendo maior no MixIBMP +Alum e menor no grupo sem alumínio, o qual ganha destaque quando analisado em relação a subclasse IgG3. Em conclusão, é nítida a presença de imunogenicidade nesse protocolo de imunização relacionado a essas proteínas.
Abstract: Chagas disease (CD) is a pathology of worldwide concern caused by the pathogen Trypanosoma cruzi. Thus, it is necessary to adopt more effective measures in order to reduce the spread of this disease, that is why an immunization protocol was developed with a mix of four chimeric recombinant proteins called IBMP-8.1; IBMP-8.2; IBMP-8.3; IBMP-8.4 associated or not with the aluminum hydroxide adjuvant, aiming to characterize yours immunogenic capacity for protection against T. cruzi. The female BALB / c mice were immunized and blood samples were obtained at 15, 30 and 45 days after immunization. The profile of total IgG antibodies and their subclasses, IgG1 and IgG3, were determined by enzymatic immunoassay. The data report the highest production of total anti-IBMP-8.1 IgG; 8.2; 8.3; 8.4 in the group in association with aluminum hydroxide (MixIBMP + Alum), whereas the MixIBMP group alone did not show significance in relation to the negative control. However, in the IgG1 subclass there was production of antibodies in both groups, being higher in MixIBMP + Alum and lower in the group without aluminum, which stands out when analyzed in relation to the IgG3 subclass. In conclusion, the presence of immunogenicity in this immunization protocol related to these proteins is clear.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10962
Other Identifiers: 20160129083
Appears in Collections:Farmácia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Caracterizaçãodaimunogenicidadedeproteínas_Araujo_2020Texto Completo658.75 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.