Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10747
Title: A assistência estudantil como instrumento de democratização do Ensino Superior: estratégias para a permanência na UFRN
Other Titles: Student assistance as an instrument for the democratization of Higher Education: strategies for staying in UFRN
Authors: Rocha, Rayanne Karolayne Silvestre da
Keywords: Ensino superior;Permanência;Assistência estudantil
Issue Date: 6-Dec-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: ROCHA, Rayanne Karolayne Silvestre da. A assistência estudantil como instrumento de democratização do Ensino Superior: estratégias para a permanência na UFRN. 2019. 59 f. Monografia (Graduação) - Curso de Pedagogia, Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2020.
Portuguese Abstract: Este trabalho tem como objetivo analisar as ações de permanência da Universidade Federal do Rio Grande do Norte para estudantes dos cursos de graduação. Para tanto, utilizou-se da pesquisa bibliográfica, análise documental e de dados referentes aos microdados do censo do ensino superior disponibilizados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), ao Relatório Final da V Pesquisa de Perfil Socioeconômico e Cultural dos (as) Graduandos (as) das Instituições Federais de Ensino Superior viabilizados pelo Fórum Nacional dos Pró-Reitores de Assuntos Estudantis (FONAPRACE) e aos relatórios que dispõem das atividades que colaboram com a permanência dos discentes, elaboradas pela UFRN, através da Coordenadoria de Atenção à Saúde do Estudante (CASE). Constatou-se que as inúmeras adversidades que os estudantes enfrentam em suas trajetórias acadêmicas requerem ações que os auxiliem nessas demandas com programas e projetos que discutam e orientem sobre possíveis resoluções dessas problemáticas. As atividades desenvolvidas pela CASE são extremamente importantes para o corpo estudantil da UFRN. Todavia, infere-se que houveram poucos atendimentos nos anos analisados comparado ao grande grupo de estudantes da universidade. Pode-se, então, afirmar que as atividades devem ser melhores expostas, divulgadas e, também, avaliadas, uma vez que os relatórios são insuficientes para o acompanhamento da evolução dos programas e projetos executados pela coordenadoria.
Abstract: This search aims to analyze the permanence actions of the Federal University of Rio Grande do Norte for undergraduate students. For this, we used the bibliographic research, document analysis and statistics related to the microdados of the higher education census provided by the National Institute of Educational Studies and Research Anísio Teixeira (INEP), to the Final Report of the V Socioeconomic and Cultural Profile Research of the Undergraduates from Federal Institutions of Higher Education made possible by the National Forum of the Dean of Student Affairs (FONAPRACE) and the reports that have the activities that collaborate with the permanence of students, prepared by UFRN, through the Coordination of Student Health Care (CASE). It was found that the many adversities that students face in their academic trajectories require actions that help them in these demands with programs and projects that discuss and guide possible resolutions of these problems. The activities developed by CASE are extremely important for the UFRN student body. However, it is inferred that there were few attendances in the years analyzed compared to the large group of university students. It can then be stated that the activities should be better exposed, disseminated and also evaluated, since the reports are insufficient to follow the evolution of the programs and projects executed by the coordination.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10747
Other Identifiers: 20150111970
Appears in Collections:Pedagogia (Presencial)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Assistencia_Rocha_2019.pdf738.28 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons