Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10735
Title: A importância das metáforas corporificadas no desenvolvimento da compreensão do sentido de histórias contadas para crianças
Authors: Costa, Eduardo Bruno da
Keywords: Leitura (Ensino fundamental).;Metáforas.;Compreensão do sentido.;Contação de histórias ficcionais.;Reading.;Metaphors.;Understanding of meaning.;Telling of fictional stories.
Issue Date: 31-Jul-2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: COSTA, Eduardo Bruno da. A importância das metáforas corporificadas no desenvolvimento da compreensão do sentido de histórias contadas para crianças. 2020. 83f. Monografia (Licenciatura em Pedagogia) - Departamento de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Caicó/RN, 2020.
Portuguese Abstract: O objetivo principal do presente trabalho foi comparar a contação de histórias para crianças com figuras de correspondência real e a contação com objetos de correspondência metafórica aos personagens e fatos presentes na história. Para o dimensionamento do trabalho, levou-se em consideração que, em pesquisa anterior, se constatou que a contação objeto-metafórica, se comparada à contação com figuras, contribui de forma superior para a compreensão de histórias ficcionais (NASCHOLD et al., 2015b). No estudo atual, desejou-se verificar se também o conhecimento linguístico maior ou menor das crianças interfere nessa compreensão. A escolha dessa temática foi motivada pelos preocupantes indicadores de insucesso da alfabetização no Brasil. Para o desenvolvimento do trabalho foi realizado um estudo bibliográfico das seguintes temáticas relacionadas à alfabetização: literatura infantil (AMARILLHA, 2003; BETTELHEIM, 2018; COELHO, 2000; KIDD & CASTANO, 2013; OATLEY, 2008), neurociências cognitivas (CONSENZA & GUERRA, 2011), neurociências da leitura (DEHAENE, 2012), metáforas conceituais (LAKOFF & JOHNSON, 2002; NASCHOLD et al, 2015b), contação de histórias (MATOS & SORSY, 2009) e compreensão leitora (KOCH & ELIAS, 2018; PEREIRA, 2013). Após o estudo bibliográfico foi organizada e realizada uma pesquisa exploratória experimental (PRODANOV & FREITAS, 2013) desenvolvida através de uma intervenção didático-pedagógica em uma turma de 2º ano do Ensino Fundamental pertencente a uma escola da rede pública de ensino da zona urbana do município de Jardim de Piranhas (RN). A pesquisa exploratória experimental obedeceu às seguintes etapas: primeiramente foram organizados 2 grupos de crianças, sendo um formado por crianças com conhecimento linguístico mais elevado. Para tal foram aplicados três testes (Teste de Leitura de Palavras e Frase, Teste de Escrita de Palavras e Frase, e Teste de Metáfora e Inferência) presentes na bateria de testes do Instrumento Diagnóstico das Etapas Iniciais da Alfabetização (IDEIA, NASCHOLD, 2016). Posteriormente, realizaram-se os dois tipos de contação, sendo a com objetos metafóricos realizada no grupo com conhecimento linguístico menos elevado, e aplicou-se, com a finalidade de verificar a compreensão da história, uma sequência de atividades didático-pedagógicas baseadas na narrativa contada. Por fim, comparou-se o desempenho da compreensão da história nos dois tipos de contação. De modo geral, constatou-se que a contação de histórias ficcionais promove aos alunos a aquisição e o aperfeiçoamento de mecanismos importantes para o desenvolvimento da compreensão leitora, como, por exemplo: atenção, motivação, realização de inferências, ampliação de vocabulário e conhecimentos de mundo. Além disso, verificou-se a superioridade da contação com objetos metafóricos sobre a contação com figuras do livro. A contação da história com objetos metafóricos propiciou, aos alunos com menos conhecimentos linguísticos, resultados equivalentes ou mais elevados aos dos alunos com conhecimentos linguísticos superiores, demonstrando que a metáfora (LAKOFF & JOHNSON, 2002) se constitui em elemento essencial da compreensão do sentido.
Abstract: The main objective of this work was to compare the telling of stories for children with real correspondence figures and the telling of metaphorical correspondence objects to the characters and facts present in the story. For the dimensioning of the work, it was taken into consideration that, in previous research, it was found that object and metaphoric telling, if compared to telling figures, contributes in a superior way to the understanding of fictional stories (NASCHOLD et al., 2015b). In the current study, it was desired to verify whether the greater or lesser linguistic knowledge of children also interferes with this understanding. The choice of this subject was motivated by the worrying indicators of literacy failure in Brazil. For the development of the work, a bibliographic study was conducted on the following themes related to literacy: Children literature (AMARILLHA, 2003; BETTELHEIM, 2018; COELHO, 2000; KIDD & CASTANO, 2013; OATLEY, 2008), cognitive neurosciences (CONSENZA & GUERRA, 2011), reading neurosciences (DEHAENE, 2012), conceptual metaphors (LAKOFF & JOHNSON, 2002); NASCHOLD et al, 2015b), storytelling (MATOS & SORSY, 2009) and reading comprehension (KOCH & ELIAS, 2018; PEREIRA, 2013). After the bibliographic study, an experimental exploratory research (PRODANOV & FREITAS, 2013) was organized and carried out, developed through a didactic-pedagogical intervention in a 2nd grade elementary school class belonging to a public school in the urban area of the municipality of Jardim de Piranhas (RN). The experimental exploratory research followed the following steps: first, 2 groups of children were organized, one of which was formed by children with higher linguistic knowledge. Three tests (Test of Reading of Words and Phrases, Test of Writing of Words and Phrases, and Test of Metaphor and Inference) were applied to this, present in the test battery of the Diagnostic Instrument of Initial Stages of Literacy (IDEIA, NASCHOLD, 2016). Subsequently, both types of counting were performed, the one with metaphorical objects performed in the group with less linguistic knowledge, and a sequence of didactic-pedagogical activities based on the told narrative was applied in order to verify the understanding of the story. Finally, the performance of the comprehension of history was compared in the two types of telling. In general, it was found that the telling of fictional stories promotes the acquisition and improvement of important mechanisms for the development of reading comprehension, such as: attention, motivation, realization of inferences, expansion of vocabulary and world knowledge. In addition, the superiority of telling metaphorical objects over telling figures from the book has been verified. The telling of history with metaphorical objects has provided students with less linguistic knowledge with results equivalent or higher than those of students with superior linguistic knowledge, demonstrating that metaphor (LAKOFF & JOHNSON, 2002) is an essential element of understanding meaning.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10735
Other Identifiers: 2016052843
Appears in Collections:CERES - Pedagogia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ImportânciaDasMetáforas_Costa_2020.pdf1.74 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.