Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10712
Title: Fatores motivacionais no trabalho: uma análise sob a ótica dos funcionários da Secretaria de Administração da Prefeitura Municipal de Currais Novos mediante o Covid 19
Authors: Silva, Amanda Valleska Bernardo
Keywords: Administração pública;Public administration;Comportamento organizacional;Organizational behavior;Motivação no trabalho;Motivation at work.
Issue Date: 2020
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Amanda Valleska Bernardo. Fatores motivacionais no trabalho: uma análise sob a ótica dos funcionários da Secretaria de Administração da Prefeitura Municipal de Currais Novos mediante o Covid 19. 2020. 60f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração) - Departamento de Ciências Sociais e Humanas, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Currais Novos, 2020.
Portuguese Abstract: Com o acirramento da concorrência e o aumento das demandas das organizações é preciso contar com profissionais cada vez mais motivados e com o alinhamento entre os objetivos individuais e organizacionais, tendo em vista que os estudos desenvolvidos a respeito indicam que tais aspectos impactam no desempenho e consequente produtividade alcançados. Nesse contexto, o presente estudo tem por objetivo identificar os fatores que influenciam a motivação dos colaboradores da Secretaria de Administração da Prefeitura Municipal de Currais Novos, contemplando um enfoque comparativo no que tange às alterações consequentes aos efeitos da pandemia do coronavírus e das mudanças deste cenário concernentes à motivação. A metodologia da pesquisa encaixa-se em quanti-qualitativa, de natureza descritiva e delimita-se como Estudo de Caso. A pesquisa foi aplicada a 31 colaboradores dos 13 setores vinculados à Secretaria, utilizando como instrumento um questionário com perguntas medidas pela escala do tipo Likert. Os dados foram tabulados com o auxílio do Microsoft Office Excel e as respostas subjetivas foram tratadas pela análise de conteúdo. Como resultado, o estudo revela que os fatores motivadores “responsabilidade, desenvolvimento profissional, gostar do que faz e relevância do trabalho para a sociedade” e os fatores higiênicos “relacionamento com os colegas de trabalho” são os que mais exercem influência e contribuem para a motivação no trabalho, levando a conclusão de que os indivíduos trabalham impulsionados principalmente por motivos pessoais. Contudo, encontram-se desmotivados e insatisfeitos no que diz respeito aos fatores higiênicos “remuneração, comunicação e instalações físicas” e o fator motivacional “reconhecimento”. Além disso, as sugestões de ações mais citadas pelos trabalhadores como motivadoras no curto prazo foram o reconhecimento, a adoção de medidas de segurança necessárias no combate ao novo coronavírus e capacitações. Para o período pós pandêmico, sugeriram cursos, melhoria nas condições de trabalho e a promoção do bem-estar. Conclui-se que os maiores anseios dos respondentes são orientados por fatores motivacionais e não higiênicos.
Abstract: With the intensification of competition and the increasing demands of organizations, it is necessary to count on increasingly motivated professionals and the alignment between individual and organizational objectives, considering that the studies developed in this regard indicate that such aspects impact performance and consequently productivity achieved. In this context, the present study aims to identify the factors that influence the motivation of employees of the Administration Secretariat of the Municipality of Currais Novos, contemplating a comparative approach with respect to the changes resulting from the effects of the coronavirus pandemic and the changes in this scenario concerning motivation. The research methodology fits into quantitative and qualitative, of a descriptive nature and is delimited as a Case Study. The survey was applied to 31 employees from 13 sectors linked to the Secretariat, using as a tool a questionnaire with questions measured by the Likert scale. Data were tabulated with the aid of Microsoft Office Excel and subjective responses were treated by content analysis. As a result, the study reveals that the motivating factors “responsibility, professional development, liking what you do and the relevance of work for society” and the hygienic factors “relationship with co-workers” are the ones that most influence and contribute to the motivation at work, leading to the conclusion that individuals work driven mainly by personal reasons. However, they are discouraged and dissatisfied with the hygienic factors "remuneration, communication and physical facilities" and the motivational factor "recognition". In addition, the suggestions for actions most cited by workers as motivators in the short term were recognition, the adoption of security measures necessary to combat the new coronavirus and training. For the post-pandemic period, they suggested courses, improvement in working conditions and the promotion of well-being. It is concluded that the greatest desires of the respondents are guided by motivational and unhygienic factors.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10712
Other Identifiers: 2016074484
Appears in Collections:CERES - Administração

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FATORES MOTIVACIONAIS NO TRABALHO_SILVA_2020.pdf
Restricted Access Until 2021-08-03
Parte da monografia a ser enviada para publicação.
1.21 MBAdobe PDFView/Open    Request a copy


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons