Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10613
Title: Exercício no combate das manifestações clínicas e implicações psicossociais da síndrome dos ovários policísticos
Authors: Ferreira, Carlindo Daniel de Medeiros Lopes
Keywords: SOP;Exercício;Adolescentes;Psicossocial
Issue Date: 4-Dec-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: FERREIRA, Carlindo Daniel de Medeiros Lopes. Exercício no combate das manifestações clínicas e implicações psicossociais da síndrome dos ovários policísticos. 2019. 21 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Departamento de Educação Física, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Objetivo: A presente revisão de literatura teve como objetivo sintetizar publicações que abordaram os efeitos do exercício físico ou mudança no estilo de vida nas consequências das manifestações clínicas (hiperandrogenismo) e psicossociais (qualidade de vida, ansiedade ou depressão) em adolescentes com síndrome dos ovários policísticos. Métodos: Este estudo trata-se de uma revisão de literatura, na qual foi sintetizado e analisado as últimas publicações sobre os impactos do exercício nas manifestações clínicas e psicossociais da síndrome dos ovários policísticos em adolescentes. Resultados: Apesar dos benefícios da prática regular do exercício, ainda não existe consenso em relação aos benefícios no enfoque psicossocial desse distúrbio endócrino. Entretanto, sabemos da importância de práticas corporais na adolescência na educação física escolar. Portanto, o papel importante da educação física é estimular os alunos a aderirem cada vez mais as atividades físicas, desde as brincadeiras até atividades periodizadas. A partir disso poderíamos conseguir retroagir as consequências da inatividade e do sedentarismo. Conclusão: Embora o número de estudos sintetizado das publicações sejam pequenos atualmente, eles sugerem, coletivamente, que o exercício tem impacto positivo sobre diversos aspectos da vida na adolescência, por exemplo, qualidade de vida (psicossocial) e impacto positivo sobre os fenótipos da SOP. Mais estudos são necessários para reforçar essas hipóteses.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10613
Other Identifiers: 2016087740
Appears in Collections:Educação Física (licenciatura)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Exercícionocombatedasmanifestaçõesclínicas_Ferreira_2019Texto Completo385.75 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons