Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10595
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorDantas, George Alexandre Ferreira-
dc.contributor.authorLira, Fernanda Rafaele Olimpio de-
dc.date.accessioned2020-05-14T16:49:31Z-
dc.date.available2020-05-14T16:49:31Z-
dc.date.issued2019-12-02-
dc.identifier2013085321pt_BR
dc.identifier.citationLIRA, Fernanda Rafaele Olimpio de. As cidades são livros que se leem com os pés. 2019. 112f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Arquitetura e Urbanismo) - Departamento de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.pt_BR
dc.identifier.urihttp://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10595-
dc.languagept_BRpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal do Rio Grande do Nortept_BR
dc.rightsAttribution-NonCommercial-NoDerivs 3.0 Brazil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectUrbanismo - Monografiapt_BR
dc.subjectEspetacularização urbana - Monografiapt_BR
dc.subjectExperiência errática - Monografiapt_BR
dc.subjectNarrativas errantes - Monografiapt_BR
dc.titleAs cidades são livros que se leem com os péspt_BR
dc.typebachelorThesispt_BR
dc.contributor.referees1Nascimento, José Clewton do-
dc.contributor.referees2Galindo, Vinicius Bezerra de Moraes-
dc.description.resumoDiante da constatação da atual espetacularização das cidades contemporâneas, é possível observar um distanciamento da experiência corporal nas cidades. Com a frequente pacificação e privatização dos espaços públicos, que buscam esconder tensões inerentes a esses espaços, há uma diluição das possibilidades de experiências urbanas, especialmente da experiência da alteridade nas cidades, levando a perda da corporeidade e tornando os espaços simples cenários. As errâncias urbanas surgem como ferramenta de apreensão e compreensão da complexidade das cidades contemporâneas, ação de microrresistência às forças hegemônicas de produção do espaço e experiência estética. Diante disso, o trabalho tem como objetivo geral identificar a potência crítica da errância para as cidades contemporâneas e construir narrativas sensíveis por meio de experiências erráticas na cidade de Natal. O desenvolvimento da pesquisa ocorreu, primeiramente, por meio da apropriação teórica de autores como Paola Berenstein Jacques (2014), Francesco Careri (2013) e Walter Benjamin (1987). Posteriormente, foi realizada uma aproximação entre corpo e cidade por meio do conceito de experiência errática, utilizada como técnica neste trabalho e, por fim, como resultado são apresentadas narrativas errantes das experiências, explicitando as apreensões obtidas da cidade.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.departmentArquitetura e Urbanismopt_BR
dc.publisher.initialsUFRNpt_BR
Appears in Collections:Arquitetura e Urbanismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
CidadesSãoLivros_Lira_2019.pdfVolume escrito96.67 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
APRESENTAÇÃO_CidadesSãoLivros_Lira_2019.pdfApresentação75.49 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons