Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10591
Title: Ruas e rimas: apropriação dos espaços públicos e direito à cidade nas batalhas de MC's
Authors: Souza, Sarah Esli de Lima
Keywords: Espaço público - Monografia;Periferia - Monografia;Batalhas de rap - Monografia;Direito à cidade - Monografia;Public place - Monography;Periphery - Monography;Rap battles - Monography;Right to the city - Monography
Issue Date: 28-Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOUZA, Sarah Esli de Lima. Ruas e rimas: apropriação dos espaços públicos e direito à cidade nas batalhas de MC's. 2019. 159f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Arquitetura e Urbanismo) - Departamento de Arquitetura e Urbanismo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: O presente trabalho investiga a apropriação dos espaços públicos por grupos e manifestações culturais de origem e vivência periféricas. Em torno da última década do século XXI os espaços públicos da Cidade do Natal têm sido apropriados por novas modalidades de manifestações culturais que criam sua identidade no meio urbano. Isso evidencia a vitalidade existente por meio da realização de atividades socioculturais, ocorrendo cotidianamente, a exemplo das Batalhas de Rap. A fim de articular forças para manifestações desse tipo, se faz necessária a elaboração de políticas públicas urbanas que apoiem segmentos culturais como esse. No entanto, o interesse, apoio e recursos, sobretudo, do poder público é quase nulo, bem como os espaços de realização são carentes de infraestrutura. Desse modo, tal pesquisa é relevante para compreender como o processo de apropriação do espaço público contribui para o exercício do direito à cidade dos sujeitos periféricos. A produção acadêmica ainda é escassa no que diz respeito a estudos que discutam as apropriações de espaços públicos por esses sujeitos no contexto da cidade, ainda que a cultura Hip Hop e todos que a compõem tenham muito a dizer sobre o espaço urbano. Assim, esta pesquisa se propõe, de maneira geral, a identificar como o processo de apropriação dos espaços públicos pelas Batalhas de Rap contribui para o exercício do Direito à Cidade, a partir das noções de espaço, lugar, cotidiano e diversidade. Além disso, quatro objetivos específicos foram traçados, sendo eles: a) Compreender o processo de apropriação dos espaços públicos pelas Batalhas de Rap no tocante aos seus aspectos físicos; b) Identificar os efeitos dessas manifestações na dinamização do espaço e diversidade do público; c) Identificar os efeitos dessas ações culturais no que diz respeito a tornar conhecido espaços públicos da cidade e d) Reconhecer as simbologias e significados atribuídos aos espaços públicos apropriados.
Abstract: This paper investigates the appropriation of public spaces by groups and cultural manifestations of peripheral origin and experience. Around the last decade of the 21st century, the public spaces of Natal City have been appropriated by new modalities of cultural manifestations that create their identity in the urban environment. This highlights the vitality existing through the performance of sociocultural activities that occurs daily, such as the rap battles. In order to articulate forces for such manifestations, the elaboration of urban public policies to support such cultural segments is necessary. However, the interest, support and resources, above all, of the public power is almost nil, and the spaces that host such activities are lacking in infrastructure. Thus, such research is relevant to understand how the process of public space appropriation contributes to the exercise of the right to the city of peripheral subjects. Academic production is still scarce in regard to studies that discuss public space appropriation by these subjects in the city context, although Hip Hop culture and all its composers have much to say about urban space. Therefore, this research proposes, in general, to identify how the process of public space appropriation through rap battles contributes to the exercise of the right to the city, from the notions of space, place, daily life and diversity. In addition, four specific objectives were outlined: a) Understand the process of public space through rap battles regarding their physical aspects; b) Identify the effects of these events on the space dynamization and public diversity; c) Identify the effects of these cultural actions in regard to making the city's public spaces known; and d) Recognize the symbologies and meanings attributed to the appropriate public spaces.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10591
Other Identifiers: 2014068924
Appears in Collections:Arquitetura e Urbanismo

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
APRESENTAÇÃO_RUAS E RIMAS_ SARAH ESLI.pdfApresentação51.38 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Ruas e rimas _ Sarah Esli.pdfBanner3.85 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
TFG - SARAH ESLI_ VOL.ESCRITO.pdfVolume escrito17.27 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons