Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10445
Title: Início da docência: o que revelam os professores recém-formados em pedagogia da UFRN
Authors: Lima Sobrinho, Hayane
Keywords: Iniciação à docência;Carreira docente;Professores iniciantes
Issue Date: Dec-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: LIMA SOBRINHO, Hayane. Início da docência: o que revelam os professores recém-formados em pedagogia da UFRN. 2019. 65 f. TCC (Graduação) - Curso de Pedagogia, Centro de Educação, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: O início da docência é compreendido como os três primeiros anos de inserção do docente na profissão, em que acontece a transição entre deixar de ser alunos e passar a ser a professor. É uma fase de descobertas e novas experiências, que podem influenciar na decisão de continuar ou não na profissão, visto que é um período marcado por desafios e tensões. Tendo em vista a importância que a fase da iniciação profissional dos professores possui diante da construção da carreira docente, o presente estudo tem como objetivo revelar o que pensam os professores recém-formados em Pedagogia da UFRN, concluintes do primeiro e segundo semestre dos anos de 2016, 2017 e 2018, sobre seu início na carreira docente. Para tanto, buscamos caracterizar quem são os egressos do curso de Pedagogia participantes desta pesquisa; conhecer como se dá a relação entre a teoria vista na formação inicial e a prática vivenciada pelos recém-professores; identificar situações críticas, positivas, entre outras, reveladas pelos professores iniciantes no primeiro ano de iniciação da docência; descrever as situações que ganharam evidência no início da carreira dos professores participantes e propor alternativas de melhor inserção na docência. Desse modo, tratando-se de uma pesquisa qualitativa, tivemos como percurso metodológico a realização do estado da arte do nosso objeto de estudo; o mapeamento dos sujeitos da pesquisa; aplicação de questionários com perguntas abertas e fechadas; e a análise dos dados obtidos. Teoricamente, este estudo tem como principal embasamento teórico Marcelo Garcia (2008), Huberman (2000), Nóvoa (2000), Ramalho; Nuñez; Gauthier (2004); Romanowski (2012); Tardif (2000). A análise dos dados evidencia que o momento de inserção à docência é considerado pelos professores iniciantes como um desafio, permeado pelo sentimento de insegurança e medo de atuar. Nesse momento, as escolas não desenvolvem ações/programas no sentido de recepcionar os professores e a díade entre teoria e prática é vivenciada de forma distante, pois segundo os egressos, a formação inicial não os prepara para as situações práticas do cotidiano da sala de aula. Além disso, revelam as dificuldades e situações relevantes que marcaram a inserção na carreira docente.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10445
Other Identifiers: 2016051603
Appears in Collections:Pedagogia (Presencial)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
IniciodaDocência_LimaSobrinho_2019.pdf1.27 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons