Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10317
Title: Caracterização petrográfica e geoquímica de brechas hidrotermais da Formação Salitre - Borda Leste da Bacia de Irecê (BA)
Authors: Silva, Danielle Caroline da Costa
Keywords: Brechas hidrotermais;Formação salitre
Issue Date: 12-Dec-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Danielle Caroline da Costa. Caracterização petrográfica e geoquímica de brechas hidrotermais da Formação Salitre - Borda Leste da Bacia de Irecê (BA). 2019. 118f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geologia) - Departamento de Geologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Brechas são rochas compostas por clastos angulares ou fragmentos de rocha cimentados e preenchidos por matriz fina, observadas nos mais diversos tipos de ambiente e formadas por processos ígneos, sedimentares ou tectônicos, ou uma combinação dos mesmos. O trabalho visa caracterizar aspectos petrográficos e geoquímicos de brechas localizadas na Fazenda Mamonas e Fazenda Melancias, respectivas aos municípios de Morro do Chapéu e Cafar-naum, inseridas na Formação Salitre, Grupo Una, Supergrupo São Francisco - Bacia de Irecê, BA, datadas no Proterozoico Superior. As amostras correspondem litoestratigraficamente a laminitos algais (Unidade Nova América), de matriz micrítica e cimento espático e a calcissiltitos neomorfizados (Unidade Gabriel), ambos característicos de ambiente de planície de ma-ré. A metodologia é composta por levantamento bibliográfico geológico e estrutural, análise de ortofotos para caracterização de veios e fraturas, excursão de campo para coleta de amos-tras, classificação das brechas por descrição de amostra de mão, descrição petrográfica por meio de sessões delgadas. Outrossim, foram executadas análises como Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Espectroscopia por Energia Dispersiva (EDS), Espectrômetro de Fluorescência de Raios X (FRX), Difratometria de Raios X (DRX) e Avaliação Quantitativa de Minerais por Microscopia Eletrônica de Varredura (QEMSCAN). As fotointerpretações registraram padrão de venulações com direção preferencial NE-SW e fraturas em sua maioria N-S. Ademais, descrições apontaram litologias correspondentes a brechas do tipo hidrotermal, for-madas pelo processo de brechação fluido-assistida, com clastos compostos por carbonatos recristalizados, dolomitizados e limonitizados, constituídos essencialmente por dolomita, cal-cita e ankerita, matriz de óxido de ferro e/ou magnésio, porosidade secundária do tipo vugu-lar, presença de estilólitos, silicificação e fraturas preenchidas primordialmente por quartzo e galena, com aparições de mineralogia secundária composta por pirita, cerussita, esfalerita, zin-cita, clorita, magnesita, barita, apatita e plagioclásio. As técnicas supracitadas apontam a pre-sença de fluidos hidrotermais enriquecidos em sílica e CO2, aquecidos devido a ação de corpo granítico abaixo da bacia, percolando através de falhas geradas durante o Brasiliano. Esse evento é responsável por acréscimo da pressão de fluido ao pronto de provocar hidrofaturamento gerador de brechas e mineralizações de bário, prata e zinco em depósitos do tipo Mississipi Valey associados à silicificação tardia nos carbonatos dolomitizados.
Abstract: Breccias are rocks composed of angular rocks or fragments of cemented and filled with fine matrix, observed in the most diverse types of environment and formed by processes of igne-ous, sedimentary or tectonics, or a combination of them. The work aims to characterize geo-graphic and geochemical aspects of breccias located at Mamonas Farm and Melancias Farm, respective in the of Morro do Chapéu and Cafarnaum cities, inserted in the Salitre Formation, Una Group, São Francisco Supergroup - Irecê Basin, BA, dating from the Superior Proterozo-ic. The samples correspond lithostratigraphically to algal laminite (Nova América Unit), a mi-crite matrix and a spatial cement and a characteristic neomorphized block (Gabriel Unit), both characteristic of the tidal plain environment. The methodology is composed by geological and structural bibliographic survey, orthophoto analysis for characterization of veins and fractures, field excursion for sampling, breccia classification by manual sample description, petrographic description through thin sections. In addition, analyzes were performed as Scanning Electron Microscopy (SEM), Dispersive Energy Spectroscopy (EDS), X-Ray Fluorescence Spectrome-ter (FRX), X-Ray Diffractometry (DRX) and Quantitative Evaluation of Minerals by Scan-ning Electron Microscopy (QEMSCAN). Photointerpretations recorded pattern of preferential direction NE-SW venulations and mostly N-S fractures. Moreover, descriptions pointed to lithologies corresponding to hydrothermal breccia formed by the fluid-assisted brecciation process, those with clasts composed of recrystallized, dolomitized and limonitized carbonates, constituted essentially of dolomite, calcite and ankerite, iron oxide matrix and / or magnesium, vugular secondary porosity, presence of styloliths, silicification and fractures filled primarily by quartz and galena, with secondary mineralogy appearances consisting of pyrite, cerussite, sphererite, zincite, chlorite magnesite, barite, apatite and plagioclase. The aforementioned techniques indicate the presence of silica and CO2 enriched in hydrothermal fluids, heated due to the action of granitic body below the basin, percolating through faults generated during the Brazilian. This event is responsible for adding fluid pressure ready to cause breccia-generating hydrofracturing and barium, silver and zinc mineralizations in Mississipi Valey-type deposits associated with late silicification in dolomitized carbonates.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10317
Other Identifiers: 2015027953
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tcc_final-mesclado.pdfTrabalho de Conclusão de Curso17.66 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons