Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10233
Title: Família e diversidade sexual: um campo de violação dos direitos humanos?
Authors: Souza, Fernanda Nascimento de
Keywords: Família; Diversidade sexual; LGBT; Conservadorismo; Movimentos sociais;;Family; Sexual diversity; LGBT; Conservatism; Social movements.
Issue Date: 29-Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SOUZA, Fernanda Nascimento de. Família e diversidade sexual: um campo de violação dos direitos humanos. 2019. 77f. Monografia (Graduação em Serviço Social) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Centro de Ciências Sociais Aplicadas, Departamento de Serviço Social, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: Este trabalho objetiva apreender e analisar as determinações societárias que incidem nas famílias e geram entraves à diversidade sexual dos filhos e das filhas. Partimos do pressuposto que existe um tipo de organização familiar hegemônica fundada na propriedade privada, casamento monogâmico e heteropatriarcado que implica, por um conjunto de determinações, violações em relação à diversidade sexual. Para apreensão da relação entre a família hegemônica no capital e a sexualidade, caracterizamos e analisamos as principais formas de violações da diversidade sexual no âmbito familiar, que operam barreiras ao processo de individualidade dos filhos e das filhas LGBT. Assim, analisamos como o ambiente familiar pode ser reprodutor de opressão e de violação aos Direitos Humanos. Analisamos, ainda, como os grupos LGBTs enfrentam a relação entre família e diversidade sexual. As fontes para a produção e análise de dados foram por meio da revisão bibliográfica e análise documental, bem como conteúdo de sites de movimentos sociais e instituições relacionados à temática.
Abstract: This work aims to understand and analyze the social determinations that take place in the families and that produce constraint in the sexual diversity of their sons and daughters. We are based on the assumption that there is a hegemonic type of family organization based on the private property, the monogamous marriage and the herteropatriarchy that caus es, due to several determinations, the violation of sexual diversity. In order to understand the relations between the hegemonic type of family in the capitalist society and sexuality, we characterize and analyze the main forms of violation of sex ual diver sity in the familial environment, which operate constraint in the process of the LGBT sons and daughters. Thus, we analyze how the familial environment may reproduce the oppression and the violation of human rights. We also analyze how LGBT groups deal wit h the relation between Family and sexual diversity. The sources for the production and analysis of data were bibliographic revision, documental analysis, as well as researches in sites from social moviments and institutions related to the subject.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10233
Other Identifiers: 2016003820
Appears in Collections:Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
FamiliaDiversidadeSexual_Souza_2019914.05 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.