Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10133
Title: Avaliação in vitro da durabilidade de união de restaurações semidiretas: um estudo piloto
Authors: Silva, Ronnys Ruggery Gomes da
Keywords: Materiais Dentários;Resinas Compostas;Resistência;Adesivos Dentinários;Cimentação
Issue Date: Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Ronnys Ruggery Gomes da.Avaliação in vitro da durabilidade de união de restaurações semidiretas: um estudo piloto. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Odontologia) – Departamento de Ciências da Saúde, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2019.
Portuguese Abstract: O desenvolvimento da técnica semidireta, assim como da técnica indireta, só tornou-se possível devido a evolução dos materiais adesivos. Atualmente, o cimento resinoso tem sido o material de eleição para cimentação de restaurações. O cimento resinoso surgiu com o objetivo de substituir cimentos tradicionais, como o de fosfato de zinco, policarboxilato e de óxido de zinco e eugenol, devido as propriedades mecânicas insatisfatórias desses materiais e sua alta solubilidade em meio bucal. Nesse estudo piloto foram utilizados dentes incisivos bovinos (n=20) distribuídos em 2 grupos, sendo cada um composto por 10 dentes distribuídos de forma aleatória de acordo com o cimento resinoso que foi utilizado na cimentação (autocondicionante ou autoadesivo). As propriedades avaliadas através dos testes foram: resistência de união e padrão de fratura. O objetivo desse trabalho foi definir qual dos agentes cimentantes garante melhores propriedades físico-mecânicas das restaurações semidiretas, possibilitando uma longevidade satisfatória. Quando submetidos ao teste push-out e avaliação dos padrões de fratura observou-se que as restaurações onde se utilizou o cimento autocondicionante obtiveram melhor desempenho, quando comparadas ao grupo onde foi utilizado o cimento autoadesivo. Logo, os resultados apontaram para a importância da utilização do sistema adesivo para obtenção de uma durabilidade de união mais satisfatória.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10133
Other Identifiers: 2015073867
Appears in Collections:Odontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tcc RR FINALLL.pdf254.49 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.