Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10004
Title: Adequação dos testes de condutividade elétrica e envelhecimento acelerado para sementes de Handroanthus impetiginosus (Mart. ex DC.) Mattos
Other Titles: Adequacy of electrical conductivity tests and accelerated aging for Handroanthus impetiginosus (Mart. Ex DC.) Mattos
Authors: Castro, Maria Luiza de Lima
Keywords: Ipê-roxo;Ipe purple;Sementes florestais;Forest seeds;Qualidade de sementes;Seed quality
Issue Date: 29-Nov-2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: CASTRO, Maria Luiza de Lima. Adequação dos testes de condutividade elétrica e envelhecimento acelerado para sementes de Handroanthus impetiginosus (Mart. ex DC.) Mattos. 2019. 45 f. Trabalho de Conclusão de Curso (graduação em Engenharia Florestal) - Unidade Acadêmica Especializada em Ciências Agrárias, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Macaíba, 2019.
Portuguese Abstract: Handroanthus impetiginosus (Mart. ex DC.) Mattos também conhecida popularmente por ipê-roxo, pertencente à família Bignoniaceae, é uma espécie de porte arbóreo que pode atingir de 20 a 35 m de altura, possui valor econômico madeireiro, medicinal, farmacológico e ornamental. O vigor das sementes é caracterizado por ser um conjunto de características ou propriedades que estabelecem o potencial fisiológico, ou seja, a capacidade de apresentar desempenho adequado quando expostas a diferentes condições ambientais. Por apresentar baixa viabilidade das sementes visando auxiliar nas pesquisas dessa espécie, esse trabalho teve por objetivo adequar os testes de condutividade elétrica e envelhecimento acelerado para avaliação do vigor de lotes de sementes de H. impetiginosus. Para adequação do teste de condutividade elétrica massal foram testados duas quantidades de sementes (25 e 50 sementes), dois volumes de água destilada (75 e 100 mL) e sete períodos de embebição (0, 3, 6, 12, 24, 48 e 72 horas). A adequação do teste de envelhecimento acelerado foi realizada em duas etapas, a primeira foi realizada a otimização dos períodos de incubação das sementes (sementes de cinco lotes foram submetidas ao envelhecimento acelerado tradicional à temperatura de 42 ºC durante 0, 24, 48, 72 e 96 horas de incubação). Na segunda etapa, dez lotes de sementes foram submetidos ao envelhecimento acelerado, utilizando uma metodologia prescrita na literatura para espécies do gênero, à 40 ºC durante 48 e 72 horas de exposição. As análises dos dados foram realizadas por estatística univariada, utilizando-se ANOVA, e ou Kruskal-Wallis (p<0,05), aplicando teste de médias (Tukey ao nível de 5% de probabilidade) quando diferenças estatísticas foram encontradas. Observou-se para o teste de condutividade elétrica eficácia com 50 sementes acondicionadas em 100 mL de água destilada, ranqueando em quatro níveis de vigor. Já o teste de envelhecimento acelerado é eficiente para avaliar o vigor de diferentes lotes de sementes à temperatura de 42 ºC/96 horas. A metodologia de 40 ºC foi eficaz para confirmar os lotes que apresentaram baixa viabilidade desde o teste de germinação.
Abstract: Handroanthus impetiginosus (Mart. Ex DC.) Mattos Also popularly known as ipe-purple, belonging to the Bignoniaceae family, it is a tree-sized species that can reach 20 to 35 m in height and has an economic value of wood, medicinal, pharmacological and ornamental. Seed vigor is allowed by a set of characteristics or properties that determine the physiological potential, that is an ability to perform properly when exposed to different environmental conditions. Due to the low viability of the auxiliary seeds in the research of this species, this work had as adequate objective the electrical and accelerated conductivity tests to evaluate the vigor of H. impetiginosus seed lots. For the adequacy of the massal electrical conductivity test, two seed drops (25 and 50 seeds), two volumes of distilled water (75 and 100 mL) and seven soaking drops (0, 3, 6, 12, 24, 48 and 72 hours). The suitability of the accelerated aging test was performed in two steps, the first was the optimization of seed incubation (seeds from five batches were subjected to traditional accelerated aging at 42 ºC during 0, 24, 48, 72 and 96 hours). incubation). In the second stage, ten seed lots were submitted to accelerated aging, using a methodology prescribed in the literature for genus species, at 40 ºC during 48 and 72 hours of exposure. Data analysis was performed by univariate statistics using ANOVA and Kruskal-Wallis (p <0.05), applying media test (Tukey at 5% probability level) when statistics were used. Observe to test electrical conductivity with 50 seeds packed in 100 mL of distilled water, ranking at four vigor levels. The accelerated aging test is efficient to evaluate the vigor of different seed lots at 42 ºC / 96 hours. A 40 ºC methodology was effective to confirm the lots that presented low viability since the germination test.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/10004
Other Identifiers: 2015031571
Appears in Collections:Engenharia Florestal

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC_Final.pdfTrabalho de Conclusão de Curso1.12 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.