Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9695
Title: Ouvidoria universitária como espaço de participação social e gestão democrática: estudo de caso da Ouvidoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Authors: Silva, Ângela Rayane Idelfonso
Keywords: Ouvidoria pública.;Ouvidoria universitária.;Governo aberto.;Administração Pública.;Transparência.;Transparência na administração pública.
Issue Date: 2019
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: SILVA, Ângela Rayane Idelfonso Silva. Ouvidoria universitária como espaço de participação social e gestão democrática: estudo de caso da Ouvidoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Caicó, RN: 2019. 68f. Monografia (Bacharelado) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Centro de Ensino Superior do Seridó.
Portuguese Abstract: As manifestações sociais realizadas no cenário internacional demonstram que a demanda por acesso à informação, por uma atuação da administração pública direcionada à promoção do valor público, constituindo-se em reflexo dos anseios e valores sociais, bem como o fortalecimento e instituição de canais de diálogo entre a sociedade e o governo, consistem em pauta cada vez mais crescente. Desta feita, é diante desse cenário que se analisa a necessidade de se fortalecer e instituir canais de diálogo entre a sociedade e a Administração Pública. Assim, as ouvidorias públicas surgem como esse canal de participação social, auxiliando nas interações dos cidadãos face à Administração Pública, levando a esta os interesses da sociedade, servindo de auxílio para a adoção de um serviço público condizente com os anseios sociais. Dessa forma, o presente trabalho se propõe a analisar as ouvidorias inseridas no âmbito acadêmico como meio para possibilitar uma gestão flexível e participativa que reflita a complexidade das relações existentes nas universidades, sendo de suma importância para o desenvolvimento de um cenário de transparência e de uma comunidade universitária ativa e colaborativa. À vista disso, a pesquisa teve como intuito abordar as ouvidorias universitárias como espaços de participação social e gestão democrática, analisando a participação social como fator primordial ao governo aberto e as ouvidorias públicas enquanto espaço de voz social, buscando, em específico, apresentar o perfil da Ouvidoria da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Nesse sentido, fazendo uso de uma abordagem qualitativa, com objetivo descritivo, utilizando-se do método dedutivo e das técnicas de pesquisa bibliográfica e estudo de caso, a presente pesquisa analisou a Ouvidoria da UFRN com vistas a elaboração de um perfil desta a partir da análise de dados no lapso temporal de 2011 a 2018. Diante do exposto, verifica-se que a ouvidoria universitária possibilita uma gestão participativa, servindo como indicativo de qualidade dos serviços ofertados pela Universidade, além de ser fonte para a atuação da administração universitária. Ademais, vislumbra-se que a Ouvidoria da UFRN possui um alto índice de manifestações, sendo em sua maioria reclamações, tendo como perfil principal de solicitantes os discentes.
Abstract: The social manifestations carried out on the international scene show that the demand for access to information, for a public administration action directed to the promotion of public value, constituting a reflection of social aspirations and values, as well as the strengthening and institution of dialogue channels. between society and government, consist of an ever-increasing agenda. This time, it is against this backdrop that the need to strengthen and establish channels of dialogue between society and the Public Administration is analyzed. Thus, the public ombudsmen appear as this channel of social participation, helping the interactions of citizens with the Public Administration, leading to the interests of society, serving as a support for the adoption of a public service consistent with social concerns. Thus, the paper proposes to analyze the ombudsmen inserted in the academic sphere as a means to enable a flexible and participative management that reflects the complexity of the existing relationships in the universities, being extremely important for the development of a scenario of transparency and a community. active and collaborative university In view of this, the research aimed to approach university ombudsmen as spaces for social participation and democratic management, analyzing social participation as a prime factor for the government, public ombudsmen as a space for social voice, seeking, in particular, to present the profile of Ombudsman of the Federal University of Rio Grande do Norte. In this sense, using a qualitative approach, with a descriptive objective, using the deductive method and the techniques of bibliographic research and case study, this research analyzed the UFRN Ombudsman with a view to the elaboration of a profile of this from the data analysis in the time lapse of 2011 to 2018. Given the above, it appears that the university ombudsman enables a participatory management, serving as an indication of the quality of services offered by the University, and is a source for the performance of university administration. In addition, it is clear that the UFRN Ombudsman has a high rate of manifestations, mostly complaints, with the main profile of applicants as students.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/9695
Other Identifiers: 20150103074
Appears in Collections:CERES - Direito

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
OuvidoriaPública_Silva_20191.75 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons