Please use this identifier to cite or link to this item: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11796
Title: Análise sedimentar de testemunhos por vibração em área de mangue no Campo Petrolífero de Serra (Macau/RN)
Authors: Miranda, Rafael Felipe de Lima
Keywords: Testemunhos;Cores;Mangue;Mangrove;Alteração Ambiental;Environmental Modification;Análise Sedimentar;Sedimentary Analysis
Issue Date: 28-Apr-2021
Publisher: Universidade Federal do Rio Grande do Norte
Citation: MIRANDA, Rafael Felipe de Lima. Análise sedimentar de testemunhos por vibração em área de mangue no Campo Petrolífero de Serra (Macau/RN). 2021. 76 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Geologia) - Departamento de Geologia, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2021.
Portuguese Abstract: O presente trabalho foi desenvolvido em uma área de manguezal do Campo Petrolífero de Serra, no município de Macau, localizado no litoral setentrional do Estado do Rio Grande do Norte. Com base nos estudos sedimentológicos, mineralógicos, composicionais e geoquímicos de 12 testemunhos coletados pelo método de vibração (Vibracore) em ambiente de mangue, através de uma análise comparativa dos parâmetros entre uma área de referência (ARM) e área com potencial alteração, inferindo sobre a possível modificação ambiental no campo de mangue (CM) no entorno do Campo de Serra (Macau, RN). Três testemunhos (ARM-A, ARM-B, ARMC) foram coletados em uma área selecionada por ser bem preservada e afastada de qualquer interferência antrópica e com dinamismo natural do ambiente, denominada de área de referência de mangue (ARM). Os testemunhos foram inicialmente fotografados e perfilados por coregama (raios gama), seguido de descrições macroscópicas do topo para a base; foram observadas propriedades como: cor, granulometria, estruturas sedimentares e presença de matéria orgânica. Posteriormente foram feitas análises laboratoriais com descarbonatação e queima da matéria orgânica para obtenção dos teores de carbonato e matéria orgânica, respectivamente, bem como análises granulométricas por peneiramento a seco e úmido. Esses estudos foram repetidos nos testemunhos do campo de mangue (CM1-A, CM1-B, CM1-C, CM2-A, CM2-B, CM2-C, CM3- A, CM3-B e CM3-C). A partir da integração, análise e interpretação dos dados foi possível identificar que as duas áreas apresentam expressiva semelhança, marcadas pela presença de depósito de planície de maré com duas fácies, lamosa e arenosa, relacionadas respectivamente a intermaré e supramaré. Pequenas divergências foram observadas apenas em 2 parâmetros, na granulometria e no teor de carbonato no CM2, o que não se demonstrou suficiente para afirmar que o ambiente foi submetido a uma alteração atípica, seja natural ou antrópica, uma vez que à região é extremamente dinâmica, com eventos de alta energia, que possibilitam a concentração de bioclastos, por sua vez relacionados a maior teor de carbonato e predomínio de granulometria um pouco mais grossa.
Abstract: The present work was developed in a mangrove area of Campo de Serra oil field, in Macau, located on the northern coast of the State of Rio Grande do Norte. Based on sedimentological, mineralogical, compositional and geochemical studies of 12 cores collected by the method of vibracore in a mangrove environment, through a comparative analysis of the parameters between a reference area (ARM) and an area with potential alteration, infer about the possible environmental change in the mangrove field (CM) around Campo de Serra oil field (Macau, RN). Three cores (ARM-A, ARM-B, ARM-C) were collected in a selected area for being well preserved and away from any anthropic interference and with a natural dynamic environment, called the mangrove reference area (ARM). The cores were initially photographed and profiled by coregama (Gamma rays), followed by macroscopic descriptions from the top to the bottom; properties such as color, grain size, sedimentary structures and presence of organic matter were observed. Subsequently, laboratory analyzes were carried out with decarbonation and burning of organic matter to obtain the levels of carbonate and organic matter, respectively, as well as grain size analyzes by wet and dry sieving. These studies were repeated in the mangrove field cores (CM1-A, CM1-B, CM1-C, CM2-A, CM2-B, CM2-C, CM3-A, CM3-B and CM3-C). From the integration, analysis and interpretation of the data, it was possible to identify that the two areas show significant similarity, marked by the presence of deposit of the tidal plain with two facies, muddy and sandy, related respectively to intertidal and supratidal. Small divergences were observed only in 2 parameters, grain size and carbonate content in CM2, which was not shown to be sufficient to affirm that the environment was subjected to an atypical change, either natural or anthropic, since the region is extremely dynamic, with high energy events, which allow the concentration of bioclasts, and in turn are related to a higher carbonate content and a predominance of slightly coarser grain size.
URI: http://monografias.ufrn.br/handle/123456789/11796
Other Identifiers: 2016034148
Appears in Collections:Geologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TCC-RAFAEL..pdf6,36 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons